Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Nakano e Hofmann afiam os dentes

Nakano e Hofmann afiam os dentes

Nakano e Hofmann afiam os dentes

Os pilotos da Kawsaki Racing, Shinya Nakano e Alex Hofmann, ticeram um primeiro dia de treinos doloroso no Ricardo Tormo. Depois de sofrer duas quedas na primeira sessão, Nakano efectuou apenas dez voltas da parte da tarde para se submeter a tratamentos à mão esquerda. Nakano caiu pela primeira vez ao colidir com Loris Capirossi no início da sessão, seguindo-se uma outra queda já mais perto do final.

"Hoje terminei mais cedo para receber tratamento e preservar a minha condição para a corrida, ainda há dois dias pela frente", disse Nakano. "Rodei com analgésicos e fizeram um bom trabalho, mas depois de dez voltas senti algumas dores nas costas da mão, foi difícil controlar a embraiagem nas reduções e travagens. Na primeira queda o Loris já estava a escorregar quando me empurrou e depois na segunda fui projectado da moto e magoei-me na mão. Não é um bom início de fim-de-semana, mas espero recuperar alguma força na mão para estar apto para correr".

O seu companheiro de equipa Alex Hofmann regressou aos comandos da Nunja ZX-RR, recuperando rapidamente de complicada lesão no tornozelo contraída na corrida de Motegi.

"Sabe bem estar de regresso ao MotoGP, estou algo surpreendido por ter regressado tão depressa depois das lesões de Motegi – nenhum médico pensava que seria possível", explicou Hofmann. "Sinto algumas dores e tenho alguma restrição nos movimentos do tornozelo esquerdo, mas é aceitável e não quero usar analgésicos porque posso perder o feeling. No que toca à velocidade estou muito contente por estar apenas a 1,3s da melhor marca depois de sete semanas de ausência, mas ainda não estou a 100% - tanto fisíca, como mentalmente. Quando estamos fora compreendemos que leva tempo adaptar-nos à velocidade destas motos"

Tags:
MotoGP, 2005, G. P. betandwin.com DE LA COMUNITAT VALENCIANA, Kawasaki Racing Team

Outras actualizações que o podem interessar ›