Compra de bilhetes
VideoPass purchase

GP Qatar: Corridas

GP Qatar: Corridas

GP Qatar: Corridas

Hoje na secção Reviva levamo-lo até ao Grande Prémio do Qatar de 2005 para recordar as três corridas realizadas no Circuito de Losail.

Valentino Rossi juntou o Circuito Internacional de Losail à sua já longa lista de conquistas de Grandes Prémios ao assinar a 10ª vitória da temporada. Rossi passou Marco Melandri a três voltas do final, apenas duas voltas depois de Sete Gibernau ter cedido à pressão do seu companheiro de equipa e ter ido à gravilha. A dupla italiana tocou-se nos cotovelos numa intensa batalha ao longo dos últimos 15 quilómetros da corrida, com Melandri a levar a cabo desesperado ataque final três curvas da meta, mas acabou por ficar sem pista à saída da curva, cedendo assim o triunfo ao seu compatriota.

Nicky Hayden foi o único a conseguir acompanhar o intenso ritmo da frente, chegando mesmo a estabelecer novo recorde da pista em 1m57,903s. Um tempo mais rápido que o apresentado pelo norte-americano na qualificação e que contribuiu para a conquista do terceiro posto. Colin Edwards terminou num distante quarto lugar, mas contribuiu de forma importante para a luta da Gauloises Yamaha na luta pelo Campeonato do Mundo de Equipas.

Gibernau cruzou a linha de meta em quinto seguido de Carlos Checa. Após ter garantido a terceira pole consecutiva o companheiro de equipa de Checa, Loris Capirossi, não conseguiu somar a terceira vitória consecutiva, concluindo em 10º apesar de ter liderado o início da corrida.

Apenas sete dias depois de ter ganho em Sepang, Casey Stoner regressou ao mais alto do pódio das quarto de litro. A sua segunda vitória consecutiva fez com que reduzisse a desvantagem para o líder do Campeonato Dani Pedrosa para 26 pontos.

Enquanto Stoner se isolou rapidamente, o homem da pole, Jorge Lorenzo, envolveu-se em emocionante batalha pelo segundo lugar no início da corrida com os companheiros Honda Pedrosa e Dovizioso.

Lorenzo acabou por conseguir escapar e rodou sozinho na segunda parte da corrida, averbando assim o intermédio do pódio no seu regresso às 250cc depois de ter ficado de fora por castigo durante uma jornada. Enquanto isso, Pedrosa e Dovizioso debatiam-se pela terceira posição.

Após desenvencilharem-se dos ataques de Sebastian Porto, o espanhol e o italiano trocaram de posições várias vezes, com Dovizioso a roubar o terceiro posto final ao Campeão do Mundo em título numa manobra arrojada antes da bandeira de xadrez.

Antrás de Porto, que foi quinto, terminou Hiroshi Aoyama ficou com o sexto ponto à frente dos colegas da Honda Hector Barberá e Yuki Takahashi, enquanto os privados Sylvain Guintoli e Taro Sekiguchi completaram o Top 10.

Gabor Talmacsi arrebatou uma vitória surpresa em Losail nas 125cc, ultrapassando o seu companheiro de equipa da Red Bull KTM Mika Kallio já com a meta a poucos centímetros de distância. O finlandês liderou a maior parte da corrida desde a pole, sendo seguido sempre de muito perto por Talmacsi.

Os dois homens da KTM construíram confortável vantagem sobre os demais concorrentes e rodaram sem qualquer desafio até ao final. Kallio parecia destinado a vencer até Talmacsi fazer a sua manobra para a vitória terminando com apenas 0,017s de vantagem.

A meio da corrida Marco Simoncelli conseguiu afastar-se e rodar sozinho até ao terceiro lugar e quinto pódio do ano a quase dez segundos dos dois pilotos da KTM.

Atrás do italiano a batalha pelo quarto posto era dura, com Mike di Meglio a acabar por levar a melhor sobre Hector Faubel e Thomas Lüthi.

Manuel Poggiali foi sétimo à frente de Julian Simon, enquanto os italianos Mattia Pasini e Fabrizio Lai completaram o Top 10.

Tags:
MotoGP, 2006

Outras actualizações que o podem interessar ›