Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Locatelli: "Um piloto não está acabado aos 30"

Locatelli: 'Um piloto não está acabado aos 30'

Locatelli: "Um piloto não está acabado aos 30"

Roberto Locatelli está a passar por um período de renascimento no Team Toth com o qual efectuou espectacular corrida no Commercialbank Grande Prémio do Qatar terminando em terceiro.

"Foi um sonho. No início do fim-de-semana pensei que podia terminar perto dos três primeiros. Estava rápido na corrida e excitado com a possibilidade de um resultado nos quatro primeiros, mas nunca sonhei com um pódio", disse o italiano.

Locatelli falou da memorável corrida na qual saiu do final da grelha para terminar no pódio.

"Larguei bem e incrivelmente consegui colocar-me na frente, mas o vento fez-me alargar a trajectória na curva e saí de pista. Não conseguia acreditar, a minha oportunidade parecia ter-se esvaído em fumo. Decidi continuar e voltei para a moto. Rodei forte, no mesmo ritmo dos líderes, isto apesar do vento tornar as ultrapassagens difíceis."

"Já mais perto do final apanhei o Barberá, mas ele tinha mais velocidade na sua moto da fábrica, por isso tive de esperar que ele cometesse um erro. Na última curva tentei passar por dentro e tocámo-nos. Queria pedir-lhe desculpa por isso, mas estava apenas a tentar tirar partido da oportunidade que tive. No final da corrida falei com ele e creio que compreendeu que não tinha intenção de fazer uma manobra perigosa."

Locatelli elogiou o trabalho da equipa, revelando que espera obter mais resultados semelhantes aos de Losail.

"Faço parte de uma pequena equipa, mas com muita paixão e determinação. No final do ano passado quase fiquei sem moto e a ligação ao Team Toth apenas surgiu por causa da minha amizade com o Imre Toth Jr. Aceitei a oferta deles e tenho de dizer que foi uma grande escolha. Não somos muitos, mas trabalhamos arduamente. Tenho de agradecer ao Sr. Toth e também à Aprilia pelo seu apoio."

"Penso que isto prova que um piloto não está acabado aos 30. Ainda cá ando e posso dizer muito quanto a isso, as pessoas deviam ter mais respeito por pilotos como eu que deram muito ao motociclismo e ainda são capazes de obter resultados."

Tags:
250cc, 2006, Roberto Locatelli

Outras actualizações que o podem interessar ›