Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Kawasaki antecipa embate turco

Kawasaki antecipa embate turco

Kawasaki antecipa embate turco

Depois de merecida paragem de duas semanas após o GP do Qatar, a Kawasaki Racing Team atravessa o Bósforo para entrar na Ásia e alinhar no Grande Prémio da Turquia deste fim-de-semana no impressionante Circuito de Istambul.

Construído a um custo de 155 milhões de euros, o circuito de Istambul foi projectado pelo famoso arquitecto alemão Hermann Tilke, responsável também pelos traçados de Sepang e Xangai.

Corrido contra o sentido dos ponteiros do relógio, o circuito conta com 14 curvas – oito direitas e seis esquerdas – ao longo dos seus 5,340 km, sendo que algumas das suas curvas são inspiradas em outras bem conhecidas de várias pistas de todo o mundo; a Curva Spoon de Suzuka e a famosa Eau Rouge de Spa são dois exemplos.

Enquanto o Grande Prémio da Turquia de estreia foi realizado em Outubro no ano passado, quando as temperatures eram baixas, a passagem para finais de Abril nesta temporada vai levar a que as temperaturas sejam mais favoráveis aos Bridgestone da Kawasaki Racing Team.

Shinya Nakano debateu-se com problemas de aderência e comportamento durante a árdua luta para chegar ao 10º posto no ano passado, mas o japonês de 28 anos regressa com mais confiança este ano esperando que a sua Ninja ZX-RR lhe permita melhorar de forma significativa a prestação que apresentou há seis meses.

O companheiro de equipa de Nakano, Randy de Puniet, tem tido difícil estreia no MotoGP, depois de lesão e queda fazerem com que não conseguisse terminar as duas primeiras corridas do ano. O francês de 25 anos considera Istambul como um dos seus circuitos preferidos e viagem para a Turquia apostado em somar os primeiros pontos no Campeonato do Mundo de MotoGP este fim-de-semana.

Shinya Nakano

"No ano passado tivemos alguns problemas em Istambul. Lutámos para encontrarmos aderência e a moto não curvava tão depressa com algumas das curvas técnicas o exigiam. Mas este ano creio que voltamos a Istambul numa posição muito mais forte. A nova Ninja ZX-RR deve dar-se melhor nesta pista com as suas combinações de curvas técnicas e rápidas e sabemos que a Bridgestone trabalhou muito durante o Inverno para eliminar alguns dos problemas da temporada passada. Estou desejoso por voltar aos comandos da moto depois destas duas semanas de paragem e estou confiante que seremos capazes de apresentar uma performance forte este fim-de-semana."

Randy de Puniet: #17

"Tanto em Jerez como no Qatar atingi bom nível com a moto, mas a sorte esteve contra mim e não consegui terminar nenhuma corrida. Por isso, a minha principal prioridade é chegar à bandeira de xadrez este fim-de-semana e somar os meus primeiros pontos de MotoGP. O circuito de Istambul é um dos melhores do calendário. É muito técnico, mas também temos curvas de alta velocidade, como a impressionante curva 11 a meio da recta oposta. Temos de acreditar quando fazemos esta curva porque se tiramos acelerador muito cedo perdemos muita velocidade e tempo a caminho da última chicane. É um verdadeiro teste aos nervos! Estou ancioso pelo fim-de-semana e creio que tenho boas possibilidades de averbar bom resultado com a Ninja ZX-RR."

Tags:
MotoGP, 2006, GRAND PRIX OF TURKEY, Kawasaki Racing Team

Outras actualizações que o podem interessar ›