Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Bautista: "Não podemos baixar a guarda"

Bautista: 'Não podemos baixar a guarda'

Bautista: "Não podemos baixar a guarda"

Alvaro Bautista ainda mantém a liderança no Campeonato do Mundo de 125cc, mesmo depois de lhe terem roubado a vitória e o seu quinto pódio consecutivo em Le Mans devido a um problema mecânico. O motogp.com falou em exclusivo com o piloto esta semana para saber o que pensa da corrida e da temporada.

Os problemas na última volta em Le Mans baixaram-te a moral?

Não, de todo. É uma pena porque a vitória era quase certa, mas estas coisas acontecem. Ajudou-nos a nos apercebermo-nos que não podemos baixar a guarda.

Apenas o Mika Kallio parece poder acompanhar-te. Pensas que ele será o teu principal rival, ou outros apareceram?

As últimas corridas provaram que a KTM está muito bem, e agora a Honda pode ser junta à lista. Estas coisas são típicas das corridas de 125cc, já que a cada corrida pode existir um rival diferente. O Pasini caiu em Le Mans, mas se isso não tivesse acontecido estou certo que ele estaria na luta pela vitória, da mesma forma que o Lukas Pesek.

Achas que a Honda está a recuperar?

Sim. A Honda trabalhou muito e os resultados estão à vista em França.

O que te parece esta série de corridas que já se passaram?

Um terço do campeonato já se passou, e em Junho e Julho vamos completar o segundo terço. Temos uma vantagem importante mas não podemos voltar a errar. O importante é continuar a somar pontos, não cometer erros e ser consistente de forma a manter a liderança e aumentar a vantagem para os demais.

O que te parece sobressai mais do circuito de Mugello?

É muito técnico, rápido mas muito divertido porque há muitas chicanas e mudanças de inclinações. Penso que a corrida será difícil e muito disputada, como qualquer corrida nesta classe. Do meu ponto de vista, as corridas de 125cc são as mais entusiasmantes.

Tags:
125cc, 2006, ALICE GRAND PRIX DE FRANCE, Alvaro Bautista

Outras actualizações que o podem interessar ›