Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Camel Yamaha à procura de melhorias em casa

Camel Yamaha à procura de melhorias em casa

Camel Yamaha à procura de melhorias em casa

A Camel Yamaha ruma ao seu Grande Prémio em casa este fim-de-semana esperando dar uma volta ao mau começo de temporada e começar a apresentar consistência no Campeonato do Mundo de MotoGP. O rápido e fluído circuito de Mugello, em Itália, representa um desafio totalmente diferente face às complexidades das pistas mais recentes, tal como Le Man e Xangai, e tanto Valentino Rossi como Colin Edwards esperam poder apresentar similar contraste no que toca à sorte que tiveram nas primeira cinco rondas da temporada.

Depois de ter ficado a zeros nas duas últimas provas devido a problemas de pneus e motor, Rossi está a 43 pontos do líder do campeonato Nicky Hayden, em oitavo lugar no campeonato – o seu pior início de temporada em qualquer casa.

"Mugello tem sido muito bom para mim nos últimos anos – é uma corrida muito especial e esta temporada é mais importante que nunca", admite Rossi. "Tive grandes momentos nesta pista ao longo dos anos e é sempre um fim-de-semana muito atarefado para mim, mas é crucial manter a concentração no trabalho porque temos de estar a 100% se queremos ganhar outra vez. O novo chassis trabalhou bem Le Mans e temos bons dados do teste para melhorarmos ainda mais em Mugello, por isso estou confiante."

Se Rossi conseguir ganhar o título este ano será o primeiro piloto de sempre a consegui-lo contando apenas com um pódio nas cinco primeiras corridas do ano. Um desafio que italiano aceita. "Tenho tido muito azar, mas não creio que 43 pontos sejam uma diferença tão grande quando faltam ainda 12 corridas", diz. "Vai ser difícil ganhar todas, mas contento-me com 11 triunfos e um segundo lugar! Quando olhamos ao que nos aconteceu esta temporada, a maior parte das coisas não estão sob o nosso controlo, provavelmente perdi 25 pontos na França, 16 na China e 14 em Jerez; não fosse isso e estaria bem melhor no campeonato. Creio que mostrámos o nosso verdadeiro potencial no fim-de-semana passado e agora é apenas uma questão da nossa sorte mudar. Mugello seria o local ideal para isso."

Após o sexto posto em Le Mans, Colin Edeards espera voltar aos pódios em Mugello. O norte-americano também gosta do facto de poder passar algum tempo na motorhome.

"Adoro estar com a família e viver na motorhome em vez de ter de ficar em hotéis. Ajuda a concentrar-me mais na minha performance na pista e espero que seja uma vantagem este fim-de-semana. Isso é o mais importante nesta fase da temporada, com a forma como as coisas têm corrida necessitamos mesmo de toda a vantagem que conseguirmos."

Outro ponto favorável para Edwards esta semana será a entrega de novo chassis para a sua YZR-M1, utilizado por Rossi com resultados positivos em Le Mans na última prova. "A minha moto é a mesma desde a Turquia, sinto-me confortável com ela, mas creio que chegámos ao limite em algumas áreas. Fiz 30 voltas com o novo chassis em Le Mans, no teste, e vi logo o potencial extra que tem. Agora vou ter uma desde o primeiro momento em Mugello, e isso é algo que temos de aproveitar desde o primeiro momento e ver até onde conseguimos ir."

Tags:
MotoGP, 2006, GRAN PREMIO D'ITALIA ALICE

Outras actualizações que o podem interessar ›