Compra de bilhetes
VideoPass purchase

MotoGP continua temporada com Cinzano GP da Catalunha

MotoGP continua temporada com Cinzano GP da Catalunha

MotoGP continua temporada com Cinzano GP da Catalunha

Com menos de duas semanas para recuperarem o fôlego depois do espectacular Alice Grande Prémio de Itália, em Mugello, os fãs do MotoGP vão contar com o que promete ser mais uma corrida emocionante no Cinzano Grande Prémio da Catalunha.

A prova marca a segunda visita do Campeonato a Espanha nesta temporada, precisamente aquela que recebeu o primeiro Teste Oficial de MotoGP em Março. Dessa feita a chuva prejudicou as afinações das equipas e Colin Edwards foi para casa com um BMW M ZX Roadster novo em folha depois de ter assinado o melhor tempo na sessão cronometrada de 45 minutos.

Loris Capirossi vai para a corrida na frente da classificação em igualdade pontual com Nicky Hayden, liderando a tabela devido ao triunfo na primeira prova do ano. O piloto da Ducati fez espectacular corrida em Mugello depois de pobre largada e tem de continuar a apresentar bons resultados para aumentar a vantagem no Campeonato.

Hayden voltou a mostrar consistência em Itália, terminando no pódio pela oitava vez em nove corridas. Regressado de uma performance afectada pela gripe e que o fez quebrar a sequência de pódios em Le Mans, o Kentucky Kid assinou a terceiro posição em Mugello e parece mais desejoso que nunca em conquistar um triunfo em 2006.

Apesar de uma incursão por fora da pista ter deixado Marco Melandri mal posicionado quando discutia uma travagem em casa, o italiano continua bem classificado. Com duas vitórias já garantidas esta temporada e a lutar pela liderança na semana passada, Melandri pode passar para o primeiro posto da tabela de pilotos com um bom resultado no circuito da Catalunha.

O regresso a casa de Dani Pedrosa deverá ser muito interessante para o catalão. O estreante da Repsol Honda já somou a primeira vitória e conta com duas poles e com o apoio de alguns dos mais apaixonados fãs do mundo ele quererá fazer tudo para os satisfazer. No ano passado tornou-se no primeiro espanhol a vencer uma corrida das quarto de litro em Montmeló e pode fazer história ao vencer no próximo fim-de-semana.

Tendo conquistador importante triunfo em casa perante os seus fãs, Valentino Rossi tem como missão recolocar-se na luta pelo ceptro. Em quinto da tabela depois do seu pior início de temporada na categoria rainha o carismático transalpino vai querer repetir o sucesso do ano passado na Catalunha, prova em que somou a quinta vitória nas seis primeiras corridas de 2005.

Em igualdade pontual com o Campeão do Mundo está Casey Stoner, mais um piloto bem sucedido nas 250cc no ano passado. O estreante australiano foi cuspido da moto em Itália, ficando fora dos seis primeiros pela primeira vez nesta época e assinando, ao mesmo tempo, o primeiro DNF.

Toni Elías está em sétimo da geral e o Cinzano GP da Catalunha pode ser o local perfeito para o espanhol melhorar a sua posição depois de um início de temporada pouco brilhante.

Colin Edwards, que ainda não garantiu uma pole na categoria rainha, foi o piloto mais rápido nos Testes Oficiais de MotoGP em Março, levando para casa um BMW novinho em folha e provando que tem o que é necessário para rodar depressa em Montmeló. O norte-americano está apenas com cinco pontos de vantagem sobre Sete Gibernau e com nove de vantagem sobre o décimo classificado Makoto Tamado, que esta semana revelou estar contente com os testes Bridgestone que levou a cabo.

Nicky Hayden lidera o Prémio BMW M para a melhor soma de todas as qualificações da temporada, tendo um vantagem de quase três segundos sobre Colin Edwards. Os pilotos da Rizla Suzuki John Hopkins e Chris Vermeulen estão em terceiro e quarto, respectivamente, e à frente de Valentino Rossi, mas por escassa margem.

Nas 250cc Andrea Dovizioso continua a liderar a tabela. O italiano ainda não ganhou uma corrida nas quarto de litro, mas como esteve no pódio em todas as corridas a consistência tem sido a chave para o piloto da Humangest Racing Team. O espanhol Jorge Lorenzo pôs fim ao período sem vitórias em Itália e a motivação extra de estar a correr em casa deve ser determinando na corrida de 250cc. Yuki Takahashi está em terceiro da geral.

O teste de Março deu a conhecer algumas surpresas na categoria intermédia e que serviram de indicadores para duas histórias de sucesso inesperadas da época. O checo Jakub Smrz surgiu do nada no teste para se colocar entre os homens da frente e conquistou a pole provisória em Mugello. Roberto Locatelli foi outro protagonista surpresa na pré época no circuito da Catalunha e tem apresentado excelentes prestações esta temporada.

Alvaro Bautista mantém-se na liderança das 125cc com 31 pontos de vantagem sobre o rival mais próximo, Mika Kallio. O espanhol foi batido pelo companheiro de equipa Mattia Pasini em Mugello na linha de meta, mas o segundo lugar foi suficiente para dilatar mais a margem pontual no topo da tabela, enquanto o italiano subiu para terceiro.

Em 1989, fruto da colaboração entre o Governo Autonómico da Catalunha, a edilidade de Montmeló e o Real Automóvel Clube da Catalunha (RACC), tiveram início os trabalhos que tinham como objectivo dar uma pista de elevada qualidade a uma das mais belas cidades da Europa. O Circuito da Catalunha abriu as portas mesmo ao pé da cidade de Barcelona em Setembro de 1991, recebendo a primeira prova internacional nesse mesmo mês, o GP de Espanha de F1. Depois foi palco do GP Europeu de motociclismo e em 1995 tornou-se na casa do Grande Prémio da Catalunha. Considerado como um dos circuitos mais bem desenhados da actualidade, o Circuito da Catalunha ganhou o cobiçado título da IRTA de "Melhor Grande Prémio" em 2001 e tem uma capacidade de 104.000 espectadores.

Tags:
MotoGP, 2006, GRAN PREMI CINZANO DE CATALUNYA

Outras actualizações que o podem interessar ›