Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Pedrosa e Gibernau estreiam-se com as 800cc em Motegi

Pedrosa e Gibernau estreiam-se com as 800cc em Motegi

Pedrosa e Gibernau estreiam-se com as 800cc em Motegi

Nicky Hayden e Dani Pedrosa voltaram ao circuito de Motegi para valioso meio dia de testes depois da realização do Grande Prémio do Japão. Hayden completou 54 voltas e continuou a desenvolver a afinação do chassis, enquanto Dani Pedrosa saiu para a pista pela primeira vez aos comandos do novo protótipo V4 800cc. Os homens da Repsol Honda rodaram ao lado dos pilotos de testes da Honda Tady Okada e Gaku Kamada.

Os testes de Pedrosa concentraram-se num primeiro contacto com a nova moto, conseguindo, ainda assim, um tempo interessante de 1m48,210s. O norte-americano voltará a rodar amanhã para o primeiro contacto com a 800cc. O estreante espanhol, por seu lado, volta para casa para recuperar o melhor possível das lesões que sofreu no Grande Prémio da Malásia.

"A primeira impressão que tive da moto é boa e isso é muito importante. O motor é um pouco diferente e isso é algo que já esperávamos, mas em termos de conjunto geral é bastante similar à RC211V", declarou Pedrosa. "Algumas partes da moto parecem mais pequenas, o que a faz parecer mais compacta. A moto tem algumas características que a aproximam das 250cc, mas sem deixar de ser uma MotoGP."

"O tempo por volta de hoje foi bastante bom por se tratar do primeiro dia de testes, mas é cedo para saber se podia ser mais rápida que a 990cc. No que toca à velocidade é bastante parecida com a MotoGP, mas em Motegi é muito lenta em curva porque há muitas chicanes, assim é muito difícil avaliar se será mais rápida. De forma geral foi um bom primeiro dia de teste", acrescentou o jovem espanhol.

Sete Gibernau, que não esteve nos testes da Desmosedici GP07 em Brno, estreou-se agora aos comandos da nova máquina ao lado de Loris Capirossi. No que toca à Camel Yamaha Valentino Rossi efectuou mais quilómetros com a 800cc, enquanto Colin Edwards trabalhou com a moto desta temporada, estudando afinações com vistas às duas últimas provas do ano. A Yamaha apresentou ainda os pilotos de testes Wataru Yoshikawa e Norihiko Fujiwara.

A Suzuki revelou as primeiras cartas sobre o projecto de 800cc para a próxima temporada, mas sem nenhum dos seus pilotos oficiais de MotoGP. A fábrica nipónica contou com a presença de Nobuatsu Aoki e Kousuke Akiyoshi para esta jornada de testes. Naoki Matsudo foi o único representante da Kawasaki em pista esta segunda-feira.

Teste Motegi
Tempos Oficiosos

1. Colin Edwards – Camel Yamaha 1'46.68 – 56 vueltas
2. Sete Gibernau – Ducati Marlboro 1'47.41 – 37
3. Kenny Roberts JR – Team Roberts 1'47.64 - 48
4. Nicky Hayden – Repsol Honda 1'47.70 – 54
5. Loris Capirossi – Marlboro Ducati 1'47.89 – 35
6. Kousuke Akiyoshi – Suzuki 1'47.89 – 31
7. Dani Pedrosa – Repsol Honda 1'48.24 - 30
8. Tady Okada – HRC 1'48.43 - 50
9. Valentino Rossi – Camel Yamaha 1'48.58 – 41
10. Nobuatsu Aoki – Suzuki 1'50.48 - 23

Tags:
MotoGP, 2006, A-STYLE GRAND PRIX OF JAPAN

Outras actualizações que o podem interessar ›