Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Bautista fala do passado, presente e futuro

Bautista fala do passado, presente e futuro

Bautista fala do passado, presente e futuro

O Campeão do Mundo de 125cc Álvaro Bautista teve recentemente a oportunidade de rodar pela primeira vez com a Aprilia 250cc com que vai alinhar na próxima temporada das quarto de litro. O espanhol reservou algum do seu tempo para falar do que lhe espera pela frente e do que deixou para trás.

Depois da excitante temporada 2006, como é que reages à mudança radical de poderes passar algum tempo em casa?

Não tenho problemas em estar nos circuitos, viajar e passar tempo com a minha equipa, mas também é necessário estar com a família. Por enquanto estou a desfrutar, mas de qualquer das formas tenho de começar os testes para 2007 em breve. Estou a continuar o meu programa de treinos diário e a ir eventos dos meus patrocinadores.

O que aprendeste em 2006?

Quando começámos a pré época o objectivo não se baseava em posições. Queria apenas voltar a divertir-me na moto. Tive a sorte de encontrar uma equipa capaz de me ajudar com isto e os resultados surgiram por si próprios. Aprendi a ser mais profissional do que era, acima de tudo com a equipa. Consegui correr por mim próprio na pista e não me preocupar com os outros pilotos, mantendo a concentração.

Qual foi o momento mais alto de 2006?

De entre muitos, posso dizer que foi a conquista do título na Austrália, mas também as vitórias em Jerez, na Turquia e Catalunha… tantos.

Dizem que és um dos favoritos ao título de 250cc. O que tens a dizer disto?

Tenho muito trabalho a fazer nas 250cc. Vou passar muito tempo na moto a reunir dados para e a tentar responder a problemas. Pelo menos tenho a vantagem de ter uma equipa atrás de mim com muita experiência.

Quais foram as tuas primeiras impressões da moto de 250cc?

É muito mais divertida que a de 125cc e muito mais potente, algo que se nota muito quando aceleramos. O peso também é maior e as curvas são mais lentas, algo que me deu alguns problemas de início. A forma como se escorrega com pneus gastos também é muito diferente.

Tags:
250cc, 2006, Alvaro Bautista

Outras actualizações que o podem interessar ›