Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Barros na frente no primeiro dia de testes em Phillip Island

Barros na frente no primeiro dia de testes em Phillip Island

Alex Barros garantiu o melhor registo do dia na Desmosedici GP7 da Pramac d'Antin. O brasileiro rodou com um tempo de 1m30,60s na pista australiana, um circuito tradicionalmente favorável à Ducati.

Apenas dez dias depois de terminada a proibição de testes, a maior parte das equipas de MotoGP estão já com os trabalhos preparativos da temporada de 2007 bem avançados. Uma semana depois de casa quase cheia em Sepang, nos primeiros testes do ano, as máquinas de 800cc voltaram a rodar, desta feita na Austrália, no circuito de Phillip Island.

No primeiro dos que se antevêem três intensivos dias de trabalho "Down Under", as ausências mais notadas foram as dos oficiais Yamaha Valentino Rossi e Colin Edwards, bem como da dupla francesa da Kawasaki Randy de Puniet e Olivier Jacque. Quem também não marcou presença nas antípodas foi a Ilmor, que testou este fim-de-semana em Almeria com Andrew Pitt.

No final do dia bastava olhar para as tabelas de cronos para ver a competitividade das novas 800cc, com os três mais rápidos a rodarem praticamente nos mesmos tempos. Repetindo a positiva prestação da semana passada em Sepang, Alex Barros garantiu o melhor registo do dia na Desmosedici GP7 da Pramac d'Antin. O brasileiro rodou com um tempo de 1m30,60s na pista australiana, um circuito tradicionalmente favorável à Ducati.

Apenas um décimo de segundo mais lento ficaram os italianos Marco Melandri, da Gresini Honda, e Loris Capirossi, da Ducati Marlboro, completando assim um Top 3 da Bridgestone. A Pramac d'Antin e a Gresini Honda mudaram de fornecedor de pneus esta época, enquanto a Ducati oficial conta já com longa experiência com o fabricante de borrachas nipónico.

O Campeão do Mundo Nicky Hayden continuou a somar quilómetros na Honda RC212V, efectuando 81 voltas, o que mais rodou entre todos os pilotos. O norte-americano ficou logo à frente do companheiro de equipa Dani Pedrosa, com os pilotos satélites da Ducati, Casey Stoner e Alex Hofmann, completaram os sete primeiros, todos a menos de um segundo de Alex Barros.

Por seu turno, e pela primeira vez nesta pré época, a Rizla Suzuki caiu nas classificações. A equipa tinha liderado as hostilidades na semana passada em Sepang, mas John Hopkins acabou por ser o melhor da marca apenas com o nono tempo, logo atrás de Carlos Checa e à frente de Kenny Roberts Jr.

Todos os pilotos conseguiram rodar sem serem afectados pelo tempo durante a manhã, isto apesar do céu se ter apresentado nublado ao início da tarde e a chegada da chuva por volta das 16 horas terem levado à antecipação do final das actividades por hoje. As equipas regressam ao trabalho amanhã com o segundo dia de testes em Phillip Island.

Teste de MotoGP de Phillip Island: Dia 1
Tempos Oficiosos
1. Alex Barros- Paramc d'Antin Ducati-1'30.60s 2. Marco Melandri-Gresini Honda 1'30.70s 3. Loris Capirossi-Ducati Marlboro Team 1'30.70
4. Nicky Hayden-Repsol Honda Team 1'31.18
5. Dani Pedrosa-Repsol Honda 1'31.29
6. Casey Stoner-Ducati Marlboro Team 1'31.40
7. Alex Hofmann-D'Antin Ducati 1'31.50
8. Carlos Checa - LCR Honda 1'31.80
9. John Hopkins-Rizla Suzuki 1'31.80
10. Kenny Roberts Jr -Team Roberts Honda 1'31.90
11. Toni Elias - Gresini Honda 1'32.00
12. Chris Vermeulen - Rizla Suzuki 1'32.00
13. Shinya Nakano -Konica Minolta Honda 1'32.23

Tags:
MotoGP, 2007, Alex Barros

Outras actualizações que o podem interessar ›