Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Alberto Puig: "A vantagem de Pedrosa nas 800cc não pode ser levada muito a sério"

Alberto Puig: 'A vantagem de Pedrosa nas 800cc não pode ser levada muito a sério'

Alberto Puig, mentor do piloto de MotoGP Dani Pedrosa, deu extensa entrevista ao motogp.com esta semana falando do mais recente desafio do seu piloto na categoria rainha. O espanhol fala sempre sem papas na língua e, entre outros assuntos, comentou os artigos que têm vindo a público sobre o progresso do seu protegido aos comandos da RC212V.

Alberto Puig, mentor do piloto de MotoGP Dani Pedrosa, deu extensa entrevista ao motogp.com esta semana falando do mais recente desafio do seu piloto na categoria rainha. O espanhol fala sempre sem papas na língua e, entre outros assuntos, comentou os artigos que têm vindo a público sobre o progresso do seu protegido aos comandos da RC212V.

Como é o que Dani Pedrosa está a atacar a época 2007?

Vai ser o Segundo ano do Dani na categoria rainha. Conta já com um ano de experiência, algo que é muito importante para qualquer piloto. Ele aprendeu muito em 2006 e vai tentar tirar o máximo partido disso.

Após o sucesso da primeira temporada o Pedrosa é um dos claros favorito ao título este ano, não?

Se o Dani não estivesse entre os favoritos seria mau porque esse é claramente um dos nossos objectivos. Como Campeão do Mundo o Nicky Hayden é obviamente o homem a bater, seguindo-se o Valentino Rossi. Para mim este último é o mais completo e o que se apresenta em melhor forma para conquistar o título. Dos dois, um tem de defender o ceptro e outro tem de tentar recuperá-lo. Apesar do Rossi dizer que não é disso que se trata, ninguém acredita nele neste ponto. Temos um grupo de pilotos que pode lutar pelo título e onde se encontram nomes como Melandri, Capirossi e Stoner, por isso o nosso objectivo é terminar o melhor classificado possível.

Qual é a tua avaliação dos testes de pré época?

A primeira vez que se roda com estas motos é como um salto para o desconhecido. Temos de fazer muitos testes para encontrarmos a moto perfeita. Todas as equipas estão a fazer bom trabalho e a Honda não é diferente. Antes da temporada de 2006 dissemos que a Honda era competitiva e a verdade é que acabou por ganhar o campeonato. Este ano acreditamos que o mais recente protótipo pode lutar pelo ceptro, mas continuamos a procurar melhorar em algumas áreas.

Os comentários que dizem que a 800cc foi desenhada especialmente para o Pedrosa tem vos afectado?

Em termos técnicos temos de dizer que a principal diferença se deve ao facto da moto ser mais estreita. Tem apenas menos três quilos que a moto do ano passado. Penso que todos reconhecem a desvantagem do Pedrosa no MotoGP devido à sua estatura física. Ele pesa 51 kg e tem menos de 1,60m de altura. Ele teve muitas dificuldades com a moto no ano passado porque era muito grande e ninguém disse nada. A única coisa que pedimos foi para adaptarem o banco e depósito para o Dani ficar melhor na moto.

É sempre a mesma história e a única coisa que estão a tentar fazer é retirar crédito ao piloto. Já lhe tinham feito isso nas 125cc e 250cc, pedindo-lhe para ganhar mais peso. Por isso, tudo o que possam dizer em relação a eventuais vantagens que o Dani possa ter não nos afecta. O Rossi e o Hayden não disseram nada em relação a ele ter alguma desvantagem no ano passado. Não me parece bem que usem pequenos detalhes técnicos para depreciar o valor do Dani e dos seus resultados. Quem faz comentários desses devia concentrar-se na sua própria garagem, no seu trabalho e parar de pensar nos outros.

Com a imprensa é uma causa perdida, não temos de lhes dar mais importância. Resumindo, o Dani tem uma desvantagem um pouco menor que no ano passado.

O Dani sente-se confortável com a nova moto como os resultados da pré época parecem mostrar?

Sendo uma moto mais maneável, com um pouco menos de potência, uma linha de pilotagem mais similar às 125cc e 250cc é, por vezes, o que tem de ser utilizado. É claro que o Dani se vai sentir melhor nesta moto. Exige outras coisas do piloto, como na saída das curvas e o estilo de pilotagem é mais confortável para o Dani.

Desde que começou na Movistar Junior Cup o Pedrosa tem estado com a Honda. Qual é a relação que têm com a HRC?

Hoje em dia é raro ver um piloto que não tenha mudado de marca pelo menos uma vez. Desde que começámos sabíamos que a Honda tinha a capacidade de nos ajudar a atingir os nossos sonhos e do piloto porque estiveram sempre à frente em termos de tecnologia. Eles fizeram muito pelo Dani e ele tem também dado muito em troca. Olhámos sempre pelos melhores interesses do Dani e ele será sempre parte da melhor equipa disponível. Seria melhor que essa equipa fosse Honda, mas vamos sempre procurar o melhor para o Dani mostrar o seu potencial e para que ele faça parte de uma equipa onde nos possamos sentir bem tratados.

Como é que estão a correr os teus outros projectos para este ano. Tens a Red Bull Academia de MotoGP e as equipas Repsol Honda de 125cc e 250cc.

Este ano vamos reduzir a lista de novos pilotos na Academia de MotoGP porque queremos qualidade e não quantidade. Vamos ter uma moto extra para dar a qualquer piloto que acharmos que poderá pilotar bem connosco ao longo da época. Também temos algumas entradas na equipa técnica que seguramente vão representar grande ajuda.

Nas classes das dois tempos temos alguns grandes talentos e vamos estar fortemente envolvidos nos seus esforços.

Tags:
MotoGP, 2007, Dani Pedrosa

Outras actualizações que o podem interessar ›