Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Hayden ajudado por irmão Tommy após Jerez

Hayden ajudado por irmão Tommy após Jerez

O Campeão do Mundo Nicky Hayden falou aos fãs sobre o desapontamento com os resultados de Jerez no mês passado e a ajuda dada pelo irmão mais velho Tommy. O sempre franco norte-americano deu aos seus leitores a avaliação da segunda corrida da temporada 2007 e continua a confiante na rumo escolhido pela Honda para começar a melhorar os resultados.

O Campeão do Mundo Nicky Hayden falou aos fãs sobre o desapontamento com os resultados de Jerez no mês passado e a ajuda dada pelo irmão mais velho Tommy. O sempre franco norte-americano deu aos seus leitores a avaliação da segunda corrida da temporada 2007 e continua a confiante na rumo escolhido pela Honda para começar a melhorar os resultados.

"Por muito que gostasse de vos estar a dizer que Jerez foi uma corrida fantástica, tenho de ser realista convosco e estou certo que todos viram a corrida," escreveu Trick Daddy. "As boas notícias são, apesar do resultado não ter sido muito melhor e a qualificação ainda pior, estive realmente mais próximo de onde queria estar do que no Qatar. Foi tempo de acção em Jerez e na primeira sessão creio que fui 4º, mas não melhorei muito a partir desse ponto – o que foi frustrante – e qualificar-me em 11º a apenas 0,4 segundos da pole fez-me recordar o que temos pela frente este ano."

Hayden lutou contra John Hopkins, Carlos Checa e Casey Stoner nos momentos iniciais da corrida espanhola, mas acabou por perder brilho quando chegou a meio da prova. "Sabia que para a corrida tinha de fazer grande largada e fiz boa primeira volta que me dava uma possibilidade de lutar pelo pódio. Contudo, ao cabo das primeiras 15 voltas as coisas começaram a correr menos bem e não consegui manter o ritmo. Custou-me muito ver os meus rivais passarem por mim e terminar em sétimo, mas sempre que tentava puxar um pouco mais a frente respondia mal nas curvas rápidas e podia terminar no chão."

Nos dois dias de testes que se seguiram, Hayden efecutou duas sessões de testes no Circuito de Jerez com o objectivo de se preparar para a próxima ronda da temporada em Istambul Park no final deste mês.

"Ficámos em Jerez mais uns dias para testes. Na segunda-feira choveu durante todo o dia e aproveitámos para testar afinações e pneus, já que a Turquia está a menos de um mês e o mau tempo pode marcar presença. Na terça-feira, pouco depois das 13 horas, a pista secou e rodámos em seco conseguindo resultados melhores, mas foi um dia que não contou muito para mim porque quase todos se tinham ido já embora."

Apesar dos tempos oficiosos da pista mostrarem pouco em relação às melhorias, Hayden tem uma explicação:

"Os tempos por volta podem não parecer bons, mas rodei mais rápido que aquilo que foi dito. Quando o nosso piloto de testes Tady Okada começou a rodar com a minha segunda moto o transponder avariou-se. Foi bom contar com a ajuda dele, também quero agradecer ao meu irmão mais velho Tommy por ter vindo ajudar-me na adaptação do meu estilo de pilotagem para ir ao encontro da 800cc, não há ninguém melhor que ele quando toca a falar de pequenas coisas. Obrigado também à equipa; eles querem resultados tanto como eu e acredito mesmo que a HRC está totalmente atrás de mim a apoiar-me e que vamos conseguir resultados muito depressa," concluiu Hayden.

Tags:
MotoGP, 2007, Nicky Hayden

Outras actualizações que o podem interessar ›