Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Pedrosa optimista depois de queda na Turquia

Pedrosa optimista depois de queda na Turquia

Foi um mau final de fim-se-semana para o piloto da Repsol Honda, Dani Pedrosa, no Grande Prémio da Turquia, já que o jovem espanhol caiu na terceira prova do Campeonato do Mundo de MotoGP depois de se ter qualificado em terceiro da grelha.

Foi um mau final de fim-se-semana para o piloto da Repsol Honda, Dani Pedrosa, no Grande Prémio da Turquia, já que o jovem espanhol caiu na terceira prova do Campeonato do Mundo de MotoGP depois de se ter qualificado em terceiro da grelha.

O antigo Campeão do Mundo de 250 viu a sua corrida terminar de forma abrupta durante a primeira volta ao traçado de Istambul Park ao ser apanhado no meio de uma queda múltipla que envolveu ainda Olivier Jacque, da Kawasaki, Colin Edwards, da Fiat Yamaha, e Chris Vermeulen, da Rizla Suzuki.

Foi o final da prova Pedrosa, Jacque e Edwards, se bem que Vermeulen conseguiu regressar à pista e terminar em 11º. Jacque foi para o hospital onde lhe foram diagnosticados hematomas no cocxis, Edwards tem um joelho inchado, enquanto Pedrosa ficou lesionado no peito e clavícula esquerda.

Apesar dos exames na Clínica Móvel terem confirmado que não havia fracturas, Pedrosa terminou o dia com um colar cervical e vai estar ausente do teste de segunda-feira na pista turca onde também sofreu queda no GP de 2006.

Após a corrida Pedrosa comentou: "Foi uma pena a queda de hoje porque tinha a possibilidade de conseguir um bom resultado aqui – parece que esta pista não me dá sorte! A minha largada não foi muito boa, a roda patinou um pouco à partida, o que me fez perder posições e ficar no meio de um grande grupo de pilotos na primeira volta. Depois estava a travar para a última zona mais apertada da pista e fui tocado por dentro e caí. Tenho algumas cores no peito e pescoço, por isso não vou testar amanhã, mas devo correr na China."

Tags:
MotoGP, 2007, GRAND PRIX OF TURKEY, Dani Pedrosa

Outras actualizações que o podem interessar ›