Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Bridgestone ganha batalha de aderência e durabilidade

Bridgestone ganha batalha de aderência e durabilidade

A Bridgestone dominou por completo a jornada turca do Mundial de MotoGP no fim-de-semana passado, aniquilando a marca rival e garantindo o primeiro pleno no pódio com Casey Stoner, Toni Elías e Loris Capirossi, sem esquecer que colocou oito pilotos entre os dez primeiros.

A Bridgestone dominou por completo a jornada turca do Mundial de MotoGP no fim-de-semana passado, aniquilando a marca rival e garantindo o primeiro pleno no pódio com Casey Stoner, Toni Elías e Loris Capirossi, sem esquecer que colocou oito pilotos entre os dez primeiros.

Hiroshi Yamada falou com o motogp.com, revelando o seu entusiasmo e mesmo alguma surpresa pelo domínio apresentado na Turquia e a enorme progressão verificada num dos traçados que tem sido menos favorável ao fabricante nipónico nos últimos dois anos.

"Estamos realmente surpresos com tudo o que se passou na Turquia, nunca tínhamos dominado assim no MotoGP."

"Acreditamos que na China vamos conseguir um bom resultado, já que na época passada o rendimento dos nossos pneus foi muito bom, apesar dos resultados finais não terem sido particularmente brilhantes. Estamos confiantes para Xangai," acrescenta Yamaha ao motogp.com.

"O maior problema que encontrámos no ano passado centrava-se no facto de não sermos capazes de ter aderência suficiente e manter a durabilidade dos nossos compostos. A pista turca tinha um asfalto de baixo coeficiente de fricção e isso beneficiou os nossos compostos. Durante o Inverno trabalhámos muito neste aspecto e parece que escolhemos o rumo certo atendendo ao que se passou em Istambul, precisamente um dos piores traçados para nós no ano passado."

Tags:
MotoGP, 2007

Outras actualizações que o podem interessar ›