Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Rossi gostou da batalha de Xangai

Rossi gostou da batalha de Xangai

Valentino Rossi voltou ao pódio na China, vingando os demónios de 2006. Contudo, não foi capaz de terminar à frente do líder do Campeonato do Mundo Casey Stoner apesar de várias ultrapassagens ousadas ao longo da corrida, ficando em segundo da classificação.

Valentino Rossi voltou ao pódio na China, vingando os demónios de 2006. Contudo, não foi capaz de terminar à frente do líder do Campeonato do Mundo Casey Stoner apesar de várias ultrapassagens ousadas ao longo da corrida, ficando em segundo da classificação. O penta-Campeão do Mundo explicou depois a sua difícil tarefa.

"Gostei muito da batalha com o Casey; não queria limitar-me a segui-lo. Cometi um erro, mas isso é sempre possível quando se trava nos limites," disse o piloto da Fiat Yamaha na conferência de imprensa após a corrida.

"Estou aborrecido com a Turquia (onde caiu na classificação com problemas de pneus) porque sem isso eu e o Casey estaríamos juntos na frente do campeonato."

Rossi virou depois as atenções para Le Mans, onde no ano passado liderou a corrida até oito voltas do final antes de desistir com problemas de motor. A imagem de tristeza de Rossi quando regressou à box num ano marcado por azares foi algo que nem ele, nem os fãs esqueceram.

"Estou confiante para Le Mans. Tenho conta aberta com a sorte depois do ano passado," concluiu "The Doctor."

Tags:
MotoGP, 2007, ALICE GRAND PRIX DE FRANCE, Valentino Rossi

Outras actualizações que o podem interessar ›