Compra de bilhetes
VideoPass purchase

O impressionante regresso de Roberto Locatelli

O impressionante regresso de Roberto Locatelli

Roberto Locatelli está a fazer impressionante regresso ao MotoGP este fim-de-semana em Le Mans e parece estar em admirável boa forma tendo em atenção a gravidade das lesões sofridas aquando do horrível acidente em Jerez, há dois meses.

Roberto Locatelli está a fazer impressionante regresso ao MotoGP este fim-de-semana em Le Mans e parece estar em admirável boa forma tendo em atenção a gravidade das lesões sofridas aquando do horrível acidente em Jerez, há dois meses.

O piloto da Metis Gilera não tem a certeza se vai correr no domingo, mas na primeira sessão de treinos livres de 250cc efectuou 25 voltas ao famoso traçado francês, chegando mesmo a rodar mais rápido que o piloto mais lentos das quarto de litro esta manhã, Eugene Laverty, da Honda LCR.

Ainda a coxear e com uma cicatriz na cara indiciadora da operação a que foi submetido desde a queda no traçado espanhol na segunda sessão de treinos das 250cc, Locatelli continua o seu programa de reabilitação na Clínica Móvel todos os dias.

Locatelli, o Dr. Costa e elementos do grupo Piaggio deram também uma conferência de imprensa ontem onde elogiaram os esforços médicos e o espírito do antigo Campeão do Mundo de 125cc. Foi também dada uma explicação para o horrível acidente que se deveu a falha mecânica.

Em defesa da sua equipa Locatelli comentou: "Estas coisas acontecem. É claro que gosto de andar de moto, mas eles pagam-me para rodar nos limites e estamos todos a trabalhar para os melhores resultados. Nesta fase quero reconhecer o árduo trabalho de todos os meus mecânicos, da Aprilia e da Piaggio. Sinto-me com sorte por estar em Le Mans, de regresso à competição, e não penso no azar do acidente."

"Foi uma nova experiência na minha vida, apesar de não me lembrar de nada do que aconteceu. Fez com visse o quanto amo as pessoas do paddock no Campeonato do Mundo. Há pessoas aqui que são como irmãos para mim e o Dr. Cláudio Costa é como um segundo pai."

O Dr. Costa disse: "A verdade é que depois do acidente os prognósticos eram sérios e falava do futuro para aliviar a dor que sentia pelo estado em que o Locatelli se encontrava. O Roberto teve de escalar uma montanha para estar aqui e fiquei surpreso quando ele me disse "Cláudio, estás errado porque vou estar em Le Mans". Ele tem grande espírito, com a família e amigos a apoiarem-no, é isto que nos ajuda a compreender esta recuperação e, especialmente, a grande força de vontade do Roberto quando disse "Quero voltar a correr." Ele venceu a batalha da sua vida."

Tags:
MotoGP, 2007, ALICE GRAND PRIX DE FRANCE, Roberto Locatelli

Outras actualizações que o podem interessar ›