Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Faubel ganha em Mugello e passa para primeiro no Campeonato

Faubel ganha em Mugello e passa para primeiro no Campeonato

Emoção de início a fim, foi aquilo a que se assistiu na sexta jornada do Campeonato do Mundo de 125cc disputada esta manhã em Mugello. Com as trocas de posições na frente da corrida a surgirem curva após curva e com a luta pelo triunfo a chegar a contar com dez pilotos, a vitória acabou por ir por ser decidida a favor de Hector Faubel (Bancaja Aspar) em cima da linha de meta.

Emoção de início a fim, foi aquilo a que se assistiu na sexta jornada do Campeonato do Mundo de 125cc disputada esta manhã em Mugello. Com as trocas de posições na frente da corrida a surgirem curva após curva e com a luta pelo triunfo a chegar a contar com dez pilotos, a vitória acabou por ir por ser decidida a favor de Hector Faubel (Bancaja Aspar) em cima da linha de meta.

Faubel, que partiu da pole, foi sempre um dos protagonistas da corrida, mas acabou por optar por uma prova mais estratégica neste Alice Grande Prémio de Itália. O espanhol conseguiu bater o seu companheiro de equipa Sergio Gadea por dos centésimos de segundo em cima da meta para ser tornar no primeiro piloto a bisar triunfos nesta temporada e, ao mesmo tempo, assumir a liderança do Campeonato.

Gadea, o vencedor de Le Mans, fez uma excelente prova. O jovem espanhol largou da 20 posição da grelha para chegar a liderar a corrida e terminar em segundo, à frente do italiano Simone Corsi (Skilled Racing Team). O vencedor da Turquia ainda tentou o mais alto do pódio em casa, mas acabou por não conseguir encontrar os argumentos necessários nos últimos momentos deste Grande Prémio de Itália.

Gabor Talmacsi (Bancaja Aspar), que também passou pela frente, ficou a 68 centésimos do pódio, seguindo-se Tomoyoshi Koyama (Red Bull KTM 125), Mattia Pasini (Polaris World), que conseguiu hoje o melhor resultado da temporada com o sexto posto. Sandro Cortese (Emmi Caffe Latte) foi sétimo, à frente de Bradley Smith (Repsol Honda 125), Pol Espargaró (Belson Campetella Aprilia), e Lorenzo Zanetti (Team Sicillia), que fechou a lista dos 10 primeiros.

Mal correu a tirada para o então líder do Campeonato do Mundo Lukas Pesek que acabou por cair já com a meta quase à vista quando lutava por uma posição nos cinco primeiros.

Tags:
125cc, 2007, GRAN PREMIO D'ITALIA ALICE, RAC

Outras actualizações que o podem interessar ›