Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Vermeulen bem sucedido apesar de reduzida visibilidade

Vermeulen bem sucedido apesar de reduzida visibilidade

A corrida de Chris Vermeulen até ao terceiro pódio da sua carreira em Donington Park foi uma excelente performance por parte do piloto da Rizla Suzuki, especialmente tendo em conta que a dada altura o australiano quase não consegui ver devido à condensação que se acumulou na viseira do seu capacete durante a molhada corrida de MotoGP.

A corrida de Chris Vermeulen até ao terceiro pódio da sua carreira em Donington Park foi uma excelente performance por parte do piloto da Rizla Suzuki, especialmente tendo em conta que a dada altura o australiano quase não consegui ver devido à condensação que se acumulou na viseira do seu capacete durante a molhada corrida de MotoGP.

A forte chuva que se abateu sobre o traçado inglês durante o início do dia levou a condições traiçoeiras das quais o próprio Vermeulen dói uma vítima no warm-up da manhã ao sofrer mais uma grande queda – a terceiro do Nickle & Dime Grande Prémio de Inglaterra.

Vermeulen levou a cabo fantástica partida da 12ª posição da grelha, chegando ao terceiro posto na segunda volta, mas um problema de condensação no interior do capacete afectou a visibilidade do australiano que caiu para quinto, chegando mesmo a fazer uma incursão por fora pista.

Com o abrandar da chuva Vermeulen conseguiu levantar o visor e limpar a condensação, encetando então a perseguição aos pilotos que seguiam à sua frente. Apanhou e passou o companheiro de equipa John Hopkins e depois Valentino Rossi.

Em declarações depois da corrida Vermeulen explicou: "Estava a ter um problema com o meu capacete, estava a ficar muito calor e o meu suor estava a provocar condensação e pensei que tinha de fazer alguma coisa rapidamente, mas houve alguns pilotos que passaram por mim e não conseguia ver muito bem o que se estava a passar."

"Quando o Casey passou ele chegou mesmo a pedir desculpas porque pensou que me tinha feito ir para for a de pista, mas tinha sido eu, porque não conseguia ver onde estava. Depois, quando a chuva parou, abri a viseira e ficou muito melhor, foi aí que consegui voltar a rodar forte."

Tags:
MotoGP, 2007, NICKEL & DIME BRITISH GRAND PRIX, Chris Vermeulen

Outras actualizações que o podem interessar ›