Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Bridgestone satisfeita com temporada até ao momento

Bridgestone satisfeita com temporada até ao momento

Hiroshi Yamada, responsável pelo departamento de competição em duas rodas da Bridgestone, está a desfrutar da paragem de Verão com clara satisfação pelos resultados atingidos até ao momento no Campeonato do Mundo de MotoGP.

Hiroshi Yamada, responsável pelo departamento de competição em duas rodas da Bridgestone, está a desfrutar da paragem de Verão com clara satisfação pelos resultados atingidos até ao momento no Campeonato do Mundo de MotoGP.

O fabricante nipónico tem levado a melhor sobre a rival Michelin na denominada guerra de pneus, adaptando-se bem às exigências das novas regras de 2007, tendo já conquistado sete vitórias na primeira parte da época.

A última corrida antes da breve paragem de Verão do campeonato terminou com o domínio de Casey Stoner, piloto da Ducati com pneus Bridgestone, no Red Bull Grande Prémio dos Estados Unidos. Uma prestação que valeu ao australiano os actuais 44 pontos de vantagem sobre Valentino Rossi, que roda com compostos Michelin, na frente da classificação.

É justo dizer que a combinação Bridgestone/Ducati/Stoner tem sido a revelação da temporada até ao momento e o fim-de-semana de Laguna Seca foi mais uma demonstração do poder deste triunvirato.

Na verdade, os pilotos Bridgestone garantiram as três primeiras posições na Califórnia com Chris Vermeulen, da Rizla Suzuki, a terminar em segundo e Marco Melandri, da Honda Gresini, a conquistar heróico terceiro lugar.

Com a Bridgestone a apresentar-se no seu melhor momento de forma desde que entrou no MotoGP em 2002, o patrão do departamento de competição em duas rodas da marca, Yamada, nota a crescente importância dos pneus e dos novos regulamentos de borrachas nos fins-de-semana de Grandes Prémios.

Os pneus têm sempre um papel importante no motociclismo, já que são eles que estão em contacto com o chão e transferem a energia da moto para a pista. A denominada guerra de pneus é muito bem bem-vinda porque nos possibilita mostrar as nossas capacidades técnicas num meio competitivo contra outro fabricante de pneus. As novas restrições de pneus foram desenvolvidas na sequência de conversas conjuntas com todos os fabricantes de pneus do MotoGP, comentou Yamada.

Ao cabo de 11 corridas continuamos a apoiar as novas regras de pneus e penso que promoveram maior igualdade entre todos os elementos do pelotão e grande competição entre os fabricantes de pneus e as equipas. Do ponto de vista da Bridgestone as novas regras trazem outra dimensão à nossa forma de atacar as corridas, o que é interessante para os fãs e espectadores, já que é um desafio para todos quantos fazem as corridas.

Tags:
MotoGP, 2007

Outras actualizações que o podem interessar ›