Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Capirossi anuncia acordo com a Suzuki

Capirossi anuncia acordo com a Suzuki

Loris Capirossi colocou, finalmente, ponto final na especulação quanto ao seu futuro a partir de 2008 ao anunciar o acordo de um ano com a Suzuki, com um segundo ano de opção.

Loris Capirossi colocou, finalmente, ponto final na especulação quanto ao seu futuro a partir de 2008 ao anunciar o acordo de um ano com a Suzuki, com um segundo ano de opção. O veterano italiano deu a conhecer a decisão numa conferência de imprensa levada a cabo no circuito de Brno na zona de recepção de convidados da Ducati, contando também com a presença de Lívio Suppo, que explicou a decisão.

"Tenho um bom sentimento em relação à Suzuki, têm muitos títulos de 500cc e isso significa que continuarei a rodar com uma equipa de fábrica, o que é importante," disse o piloto de 34 anos. "Falei com eles, com a Kawasaki e com a Ducati, mas optei por sair porque só teria um lugar na satélite d'Antin se continuasse com a Ducati. Agora tenho um brinquedo novo e estou optimista."

Capirossi tem tido dificuldades com a Desmosedici GP7, mas não espera encontrar as mesmas contrariedades com a moto de 2008 e refere que "todas as motos são diferentes, por isso não vou encontrar os mesmos problemas."

O antigo Campeão do Mundo de 250cc deixa grande legado na Ducati, já que está com a equipa desde que esta entrou no MotoGP. Como referiu na conferência de imprensa, é o único piloto da actualidade a estar na mesma formação há cinco anos e foi o responsável pelos triunfos da Ducati até ao final da temporada de 2006. Enquanto o companheiro de equipa Casey Stoner tem sido o mais bem sucedido dos dois esta época, Capirossi não demorou a notar que a sua decisão não se prende com o sucesso do australiano.

"Dou-me muito bem com o Sotner e ele é uma grande pessoa. A minha decisão não tem nada a ver com o que o Casey tem feito este ano."

Na conclusão da conferência de imprensa Livio Suppo aproveitou para prestar tributo a Capirossi e pôs um ponto final na especulação que tem vindo a ser alimentada pela imprensa e que relatava algum possível mal-estar na relação com o piloto.

"Quero agradecer ao Loris porque sem ele provavelmente não estaríamos aqui. No final de uma relação há sempre alguns desentendimentos, mas a vida é assim e respeitamo-nos muito," explicou Suppo. "Tivemos os nossos bons e maus momentos, mas é nítido que foram mais os bons momentos."

Capirossi vai continuar com a Ducati até ao final da época, mas conta já com autorização da formação para testar com a Suzuki antes do final do ano de 2007.

Tags:
MotoGP, 2007, CARDION AB GRAND PRIX ČESKÉ REPUBLIKY, Loris Capirossi

Outras actualizações que o podem interessar ›