Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Melandri com regresso provisório marcado para Misano

Melandri com regresso provisório marcado para Misano

Ausente de toda a acção de Brno, excepção feita aos primeiros treinos livres, Marco Melandri vai para Misano com a esperança de participar na corrida deste fim-de-semana.

Ausente de toda a acção de Brno, excepção feita aos primeiros treinos livres, Marco Melandri vai para Misano com a esperança de participar na corrida deste fim-de-semana. O italiano insiste que não sabe até que ponto a lesão contraída em Brno já está recuperada enquanto não rodar com a Honda RC212V, mas espera estar apto a correr depois de um Verão de lesões.

"Os exames médicos depois de Brno confirmaram uma hérnia discal entre C5 e C6, mas felizmente não é necessário operar," afirma Melandri. "Preciso de mais descanso e fisioterapia até à véspera do Grande Prémio. A situação está melhor em comparação com Brno, mas sei que estou a ficar sem tempo. A corrida vai ser um grande desafio para mim em termos físicos depois dos problemas que tive em Brno. Vou ter de ver como estou quando pegar na moto na sexta-feira, mas espero estar apto."

"Só espero estar e boa forma para a corrida porque é um Grande Prémio especial para a minha equipa. Como circuito Misano mudou muito em relação ao que conhecíamos: há algumas novas secções e agora é feito em sentido contrário, por isso é como uma pista totalmente nova. O melhor ponto para ultrapassar? Na travagem da Quercia! Não será fácil ultrapassar porque há pelo menos quatro curvas de primeira velocidade. Ter uma segunda corrida em Itália, além da tradicional prova de Mugello, é um privilégio para os pilotos italianos. Correr perante os nossos fãs é incrível!" concluiu o piloto satélite da Honda, que foi a um evento de motorcross na semana passada durante as sessões de reabilitação.

Quem também vai estar presente é o companheiro de Melandri, Toni Elias, que ainda está longe da forma total depois da fractura no fémur. O espanhol falhou o teste depois da corrida de Brno para descansar e fazer mais trabalho de recuperação em Barcelona.

"Pouco depois da queda em Assen estabeleci como meta para o regresso a corrida de Brno. Trabalhei arduamente, oito horas por dia, e recuperei até aos 60% de forma. Useis os fins-de-semana como um teste e foi difícil, mas com mais duas de reabilitação feitas sinto-me mais confiante agora. Ainda tenho muito trabalho a fazer, mas sinto-me calmo," explica Elias.

"Em Brno recebemos alguns desenvolvimentos para o chassis, escape e motor. Infelizmente, por causa do meu estado físico, não consegui tirar o máximo partido deles. Estou contente por estar a correr em Misano, a casa da minha equipa. Durante a semana antes de Brno tive a oportunidade de fazer algumas voltas na pista numa moto de estrada para avaliar a minha condição física antes do GP da República Checa. É um circuito interessante, mas também difícil."

Ambos os pilotos querem fazer a formação orgulhosa, já que a sede está mesmo muito próxima do traçado e que o patrão da equipa, Fausto Gresini, também já ganhou em Misano no passado.

Tags:
MotoGP, 2007, GP CINZANO DI SAN MARINO E DELLA RIVIERA DI RIMINI, Marco Melandri

Outras actualizações que o podem interessar ›