Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Faubel ganha e reduz diferença para Talmacsi

Faubel ganha e reduz diferença para Talmacsi

Hector Faubel, da Bancaja Aspar, foi o vencedor da absolutamente emocionante corrida de 125cc que abriu o programa competitivo do bwin.com Grande Prémio de Portugal ao início da tarde deste domingo.

Hector Faubel, da Bancaja Aspar, foi o vencedor da absolutamente emocionante corrida de 125cc que abriu o programa competitivo do bwin.com Grande Prémio de Portugal ao início da tarde deste domingo. O jovem espanhol conseguiu levar a melhor sobre o companheiro de equipa e líder do Campeonato, Gabor Talmacsi, depois de luta titânica durante toda a prova, em particular nas últimas voltas.

Faubel, que passou pela liderança algumas vezes nas últimas três voltas, foi batido por Talmacsi na variante, rodando em segundo até à entrada na recta da meta para depois tirar o melhor partido do cone de ar e cruzar a meta em primeiro naquilo que acabou por ser quase uma repetição da memorável luta de Elias e Rossi na categoria rainha no ano passado.

Enquanto isso, Talmacsi acabou por ver a sua vantagem na classificação geral reduzida para metade com o segundo triunfo do ano do seu companheiro de equipa naquele que é já visto como um duelo a dois pelo triunfo no Campeonato.

Corrida muito positiva fez o jovem espanhol Pol Espargaró. O piloto da Belson Campetella Racing chegou a liderar a prova durante algumas voltas, levando mesmo a crer por momentos que se podia estrear a vencer. No entanto, Espargaró acabou por não conseguir apresentar os argumentos necessários para suster o forte ritmo de Faubel e Talmacsi, terminando assim na terceira posição e garantindo o primeiro pódio da carreira.

Simone Corsi (Skilled Racing Team) terminou na quarta posição depois de ter partido de terceiro e ter ocupado essa mesma posição durante quase toda a corrida. Joan Olivé (Polaris World) foi quinto, seguindo-se Stefan Bradl (Bulsens Aprilia) e Tomoyoshi Koyama (Red Bull KTM 125).

Mattia Pasini voltou a ser tocado pelo azar. O piloto da Polaris World largou da pole pela sétima vez esta temporada, mas uma queda na 10ª volta deitou por terra todas as possibilidades de ganhar, terminando ainda assim em oitavo depois de ter chegado a rodar em 13º. Raffaele de Rosa (Multimedia Racing) e Randy Krummenacher (Red Bull KTM 125) fecharam o Top 10.

Tags:
125cc, 2007, bwin.com GRANDE PREMIO DE PORTUGAL, RAC

Outras actualizações que o podem interessar ›