Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Fim-de-semana difícil para a Kawasaki em Portugal

Fim-de-semana difícil para a Kawasaki em Portugal

O bwin.com Grande Prémio de Portugal revelou-se difícil para Anthony West e Randy de Puniet, da Kawasaki, depois de um fim-de-semana de resultados mistos para a equipa.

O bwin.com Grande Prémio de Portugal revelou-se difícil para Anthony West e Randy de Puniet, da Kawasaki, depois de um fim-de-semana de resultados mistos para a equipa.

Apesar de marcas encorajadoras nos treinos livres por parte de De Puniet, ambos os pilotos sentiram dificuldades na qualificação, com West a largar de 16º da grelha e o companheiro de equipa francês de 18º - o fazia da corrida do Estoril uma verdadeira escalada de posições.

Mesmo com West a efectuar espectacular largada, passando a meta em décimo no final da primeira volta e em 9º na segunda, cedo viu o ritmo decrescer depois de perder confiança na aderência frontal e começou a perder terreno para terminar em 12º.

O resultado levou o australiano a comentar: Sentia-me mesmo muito bem nas primeiras voltas e a moto parecia estar certa: tudo trabalhava bem em conjunto e senti que podia passar todos os que estavam à minha frente. Continuei a ganhar posições, mas de repente tive problemas com algumas escorregadelas de frente. Senti-me desconfortável algumas vezes, por isso tive de mudar um pouco o meu estilo de pilotagem para puxar mais pela traseira, mas isso não ajudou muito e provocou algumas derrapagens. Tive dificuldades todo o fim-de-semana, mas estou desejoso por Motegi e certo que vamos ultrapassar estes problemas.

Enquanto isso, o domingo começou bem para De Puniet com o piloto a terminar o warm-up da manhã na segunda posição a apenas 0,225s de Casey Stoner mas um problema mecânico raro colocou-o fora da corrida na 20ª volta. Foi uma grande desilusão para o piloto de 26 anos depois de ter chegado a lutar pela oitava posição na sequência de uma fraca partida desde o final da grelha.

Estava em 11º ou 10º quando o motor partiu e cinco voltas antes de acontecer começou a não funcionar bem, por isso tentei continuar até ao fim, mas não foi possível, explicou De Puniet. Estou muito, muito desapontado com isto porque fomos muito rápidos durante todo o fim-de-semana, tivemos alguns problemas na qualificação, mas no domingo de manhã foi segundo no warm-up e não terminar a corrida é sempre difícil.

Para ver a entrevista de De Puniet na íntegra clique no link de vídeo à esquerda.

Tags:
MotoGP, 2007, bwin.com GRANDE PREMIO DE PORTUGAL, Kawasaki Racing Team

Outras actualizações que o podem interessar ›