Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Dupla da Honda quer redimir-se de contratempos de Motegi

Dupla da Honda quer redimir-se de contratempos de Motegi

Para a Repsol Honda a visita a Phillip Island este fim-de-semana é a oportunidade de colocar as coisas em pratos limpos depois da frustrante visita a Motegi no mês passado.

Para a Repsol Honda a visita a Phillip Island este fim-de-semana é a oportunidade de colocar as coisas em pratos limpos depois da frustrante visita a Motegi no mês passado.

O Grande Prémio do Twin Ring Motegi terminou com o Campeão do Mundo de 2006 Nicky Hayden em nono depois de se ter qualificado em terceiro, enquanto as traiçoeiras condições climatéricas levaram Dani Pedrosa a cair depois de ter partido da pole e ter dominado os treinos em seco.

Após a espectacular queda no Japão, Pedrosa tirou partido das duas semanas de paragem para recuperar da lesão no pé – apesar de agora estar de regresso à pista onde lesionou gravemente os dois tornozelos em 2003 logo depois de ser proclamado Campeão do Mundo de 125cc na Malásia.

Contudo, o jovem catalão de 22 anos tem boas memórias do traçado de Phillip Island, já que um ano mais tarde foi coroado Campeão do Mundo de 2004 na classe de 250cc.

Pedrosa está actualmente em terceiro na classificação de MotoGP de 2007, a 26 pontos de Valentino Rossi na luta pela segunda posição quando estão ainda em luta 75 pontos.

Em antecipação do GP da Austrália Pedrosa comentou: "Tenho algumas boas memórias de Phillip Island e também alguns maus resultados. Nunca tive um resultado intermédio nesta pista. O ano passado foi um desastre com a chuva na corrida, por isso este ano espero equilibrar as contas com um bom resultado."

"Testámos em Phillip Island antes do início da época quando a RC212V era ainda muito jovem. O teste correu bem e conseguimos boa afinação para o circuito. Já foi há algum tempo e muito mudou com a moto e pneus desde então, por isso temos muito a aprender nos treinos. Agora sinto-me melhor depois da queda do Japão. Ainda tenho algumas marcas e dores no pé esquerdo, mas devo estar bem."

Enquanto isso, do outro lado da box, Hayden está à procura de terminar o ano com alguns bons resultados para aumentar a confiança, isto depois de ter perdido o título e de ainda não ter ganho nenhuma corrida esta temporada.

O GMC Grande Prémio da Austrália dá-lhe uma boa oportunidade de fazer isso mesmo num traçado onde já conseguiu duas poles e subiu por duas vezes ao pódio – 3º em 2003 e 2º em 2005.

O "Kentucky Kid" acrescentou de forma entusiasta: "Parece que esperámos todo a ano para tentarmos a sorte em Phillip Island e agora chegou a altura. Adoro a pista – é da velha escola e não posso esperar por começar a rodar na sexta-feira de manhã. Tem sido um bom traçado para mim no passado, conquistei duas poles e alguns bons resultados; é uma pista onde adoro correr."

"Mas nesta altura do ano a pista bem que se podia chamar Phillip "Iceland" em vez de Phillip Island, mas o bom tempo seria bom porque quando está frio a pista pode ser difícil conseguir a temperatura certa no lado direito do pneu. De todas as formas, só temos de esperar mais uns dias e depois voltamos a correr."

Tags:
MotoGP, 2007, GMC AUSTRALIAN GRAND PRIX

Outras actualizações que o podem interessar ›