Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Chegadas e partidas: as mudanças nas listas de inscritos

Chegadas e partidas: as mudanças nas listas de inscritos

A publicação das listas de inscritos provisórias para 2008 apresentou algumas surpresas que até agora tinham sido mantidas em segredo. A maior parte das grandes alterações surgiram nas categorias mais baixas, já que os pilotos que trocaram de equipas no MotoGP já testaram com as novas formações desde que a temporada 2007 terminou.

A publicação das listas de inscritos provisórias para 2008 apresentou algumas surpresas que até agora tinham sido mantidas em segredo. A maior parte das grandes alterações surgiram nas categorias mais baixas, já que os pilotos que trocaram de equipas no MotoGP já testaram com as novas formações desde que a temporada 2007 terminou.

Na categoria rainha houve mudanças com a partida de veteranos e chegada de sangue novo. Carlos Checa, Alex Barros e Makoto Tamada são os veteranos que deixam o Campeonato do Mundo, com os seus lugares a serem ocupados na grelha pelas estrelas das 250cc Jorge Lorenzo, Andrea Dovizioso e Alex de Angelis.

O outro estreante de 2008 será o Campeão das SBK James Toseland, na Yamaha Tech 3, sendo o único representante britânico no pelotão. O piloto vai tentar vingar a temporada de 2007 a zeros para os súbditos de Sua Majestade, temporada em que apenas Chaz Davies, pela d'Antin Ducati, defendeu as cores da "Union Jack". O galês regressa ao Campeonato AMA no próximo ano.

Com as partidas de Checa, Chris Vermeulen, da Rizla Suzuki, vai poder passar a rodar com o número 7 que usou antes de entrar para o MotoGP. O australiano deixa assim de usar a placa com o número 71 que pertenceu ao seu mentor Barry Sheene.

O Team Roberts ainda não confirmou os planos para 2008, esperando-se uma mudança no fornecedor de motores e uma formação de dois pilotos.

A mais notável ausência da lista de inscritos das quarto de litro é a de Shuhei Aoyama que deixou o lugar que tinha na Repsol Honda ao lado de Julián Simón para rumar a outras paragens. Já a equipa em si passou a usar motos KTM, fazendo correr a sua esperança espanhola como único piloto.

Enquanto isso, a Yamaha regressa a tempo inteiro à grelha das 250cc graças à chegada do indonésio Doni Tata Pradita ao Campeonato do Mundo, sendo o piloto de 17 o primeiro do seu país a participar no Campeonato do Mundo. Os fãs britânicos vão poder torcer pelo norte-irlandês Eugene Laverty, que deixou a LCR Honda para correr pela mais competitiva Blusens Aprilia.

Os estreantes das 125cc incluem o britânico Scott Redding, a dupla espanhola Marc Marquez e Pere Tutusaus, o alemão Robin Lasset e o gaulês Louis Rossi, com Takaaki Nakagami a representar o Japão depois de se ter graduado na Red Bull Academia de MotoGP.

Depois de meses de incertezas, Stevie Bonsey foi confirmado como novo piloto da Molenaar Racins, deixando assim para trás o ano de ligação à KTM.

Tags:
MotoGP, 2007

Outras actualizações que o podem interessar ›