Compra de bilhetes
VideoPass purchase

De Puniet abre 2008 na frente em Sepang

De Puniet abre 2008 na frente em Sepang

A espera terminou finalmente com o regresso do MotoGP hoje à acção em Sepang para o primeiro teste de 2008. Com cores diferentes, motos novas em várias fases de desenvolvimento e 21 pilotos muito contentes por voltarem às preparações da árdua temporada de 18 corridas.

A espera terminou finalmente com o regresso do MotoGP hoje à acção em Sepang para o primeiro teste de 2008. Com cores diferentes, motos novas em várias fases de desenvolvimento e 21 pilotos muito contentes por voltarem às preparações da árdua temporada de 18 corridas.

Um dos participantes que deixou marca no teste de Novembro na Malásia, ao assinar impressionante tempo na formação satélite LCR Honda, Randy de Puniet, voltou a estar no centro das atenções ao garantir o melhor registo no primeiro dia de trabalhos em Sepang. O gaulês ainda não conta com o novo desenvolvimento de motor que já está a ser usado pela equipa oficial, mesmo assim teve muito com que trabalhar hoje ao dar as primeiras voltas com o novo chassis. O tempo de 2m01,377s foi quase meio segundo mais rápido que o mais próximo rival, Dani Pedrosa da Repsol Honda.

Terminando 2007 como o piloto mais rápido no último teste de pós temporada em Valência, Pedrosa sofreu queda na húmido traçado malaio, regressando depois no final das tabelas de tempos. O piloto da Repsol Honda retirou tempo ao seu melhor registo da corrida do ano passado no primeiro dia de trabalho com a nova RC212V em Sepang, mostrando-se consistente na pista asiática, apesar de ter sofrido duas quedas, a última delas a deixar a sua montada em más condições e a obrigar a uma visita ao hospital com suspeitas de fractura na mão.

Orgulhosamente ostentando o número sete, adoptado em tributo ao falecido mentor Barry Sheene, Chris Vermeulen foi outro piloto a apresentar positiva mudança de sorte em Sepang. O circuito tem sido uma espécie de pedra no sapato para a Rizla Suzuki, mas a GSV-R de 2008 parece ter dado importante passo em frente no que respeita aos problemas anteriormente sentidos na corrida de Outubro. O companheiro de equipa Loris Capirossi, resplandecente no tradicional azul brilhante da Suzuki pela primeira vez num teste público, juntou-se ao australiano nos quatro mais rápidos do teste, com ambos a baterem os registos da última visita ao traçado para trabalhos preparativos da nova época.

O Campeão do Mundo de MotoGP Casey Stoner voltou aos comandos da sua moto pela primeira vez desde a queda que lhe provocou a lesão do ombro em Jerez, se bem que tanto ele como o novo companheiro de equipa na Ducati Marlboro, Marco Melandri, se depararam com alguns arreliadores problemas com a Desmosedici GP8 no regresso a Sepang. Presenças intermitentes em pista foram a ordem do dia para a dupla oficial da Ducati, sem que nenhum deles conseguisse efectuar mais que nove voltas antes do meio-dia. O vencedor de dez Grandes Prémios no ano passado, incluindo no palco do teste desta semana, conseguiu, contudo, dar a volta à situação no final da tarde para terminar na quinta posição da tabela de tempos.

Centrando o trabalho na adaptação aos novos pneus Bridgestone, Valentino Rossi fechou o Top 6 aos comandos do mais recente desenvolvimento da Yamaha M1. O piloto oficial da marca dos três diapasões foi pouco mais de um décimo de segundo mais rápido que o antigo companheiro de equipa e actual piloto da Yamaha Tech 3 Colin Edwards, que rodou com uma versão híbrida da Yamaha e sofreu ligeira queda no final do dia.

Quem efectuou mais voltas, como já vem sendo habitual, foi o Campeão do Mundo de MotoGP de 2006 Nicky Hayden. O norte-americano levou a cabo 85 passagens pela linha de meta enquanto tentava compreender as mudanças da Honda RC212V. A lista dos dez primeiros ficou concluída com Jorge Lorenzo, da Fiat Yamaha (também ele a sofrer queda), e com Shinya Nakano, da Gresini Honda.

A Kawasaki esteve presente em força no primeiro teste de 2008, fazendo rodar os pilotos de testes Olivier Jacque e Tamaki Serizawa ao lado dos habituais John Hopkins e Anthony West. Nenhum dos quatro conseguiu entrar na lista dos dez primeiros e West foi outro dos que teve contacto directo com o asfalto no regresso depois de operação ao pulso.

O segundo dos três dias de testes de Sepang terá lugar amanhã, se bem que até lá se esperam notícias sobre a mão de Pedrosa. Imagens dos testes estão disponíveis no motogp.com.

Teste de MotoGP Sepang

Tempos Dia 1

1. Randy De Puniet, PUNIET, HONDA LCR - 02:01.377 / 68 voltas
2. Dani Pedrosa, REPSOL HRC - 02:01.864 / 47
3. Chris Vermeulen, RIZLA SUZUKI - 02:02.074 / 57
4. Loris Capirossi, RIZLA SUZUKI - 02:02.416 / 61
5. Casey Stoner, DUCATI MARLBORO - 02:02.457 / 36
6. Valentino Rossi, FIAT YAMAHA - 02:02.490 / 44
7. Colin Edwards, YAMAHA TECH3 - 02:02.549 / 29
8. Nicky Hayden, REPSOL HRC - 02:02.558 / 85
9. Jorge Lorenzo, FIAT YAMAHA - 02:02.563 / 43
10. Shinya Nakano, HONDA GRESINI - 02:02.622 / 63
11. John Hopkins, KAWASAKI RACING - 02:02.628 / 62
12. Andrea Dovizioso, JiR TEAM SCOT - 02:02.783 / 52
13. James Toseland, YAMAHA TECH3 - 02:03.264 / 45
14. Alex De Angelis, GRESINI HONDA - 02:03.301 / 47
15. Anthony West, KAWASAKI RACING - 02:03.387 / 51
16. Olivier Jacque, KAWASAKI RACING - 02:03.863 / 53
17. Toni ELIAS, ALICE TEAM - 02:03.954 / 55
18. Marco Melandri, DUCATI MARLBORO - 02:04.414 / 52
19. Niccolo Canepa, DUCATI TEST - 02:05.580 / 48
20. Sylvain Guintoli, ALICE TEAM - 02:06.000 / 36
21. Tamaki Serizawa, KAWASAKI RACING - 02:23.590 / 6

Tags:
MotoGP, 2008

Outras actualizações que o podem interessar ›