Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Guintoli examinado depois de lesão no braço contraída no teste nocturno

Guintoli examinado depois de lesão no braço contraída no teste nocturno

A juntar o seu nome à lista dos pilotos que não está a 100%, o novato gaulês do Alice Team, Sylvain Guintoli, está de regresso a Inglaterra (onde reside) para um exame à lesão contraída no braço depois do susto do Qatar no final da pré época.

A juntar o seu nome à lista dos pilotos que não está a 100%, o novato gaulês do Alice Team, Sylvain Guintoli, está de regresso a Inglaterra (onde reside) para um exame à lesão contraída no braço depois do susto do Qatar no final da pré época.

Guintoli magoou-se no braço direito na sua volta rápida enquanto se preparava para a qualificação de sábado. Apesar da lesão não dever afectar a presença do Estreante do Ano de 2007 em Losail para a primeira corrida, apresenta-se como um claro contratempo para o jovem de 25 anos do Alice Team.

Conseguimos melhorar o nosso ritmo de corrida no Qatar, mas encontrei algumas dificuldades com a afinação de qualificação, explicou Guintolie. Quando estava a dar o máximo escorreguei e magoei-me no braço direito. Pensei que seria grave, mas depois do primeiro exame médico não parece ser uma lesão complicada. Para ter a certeza optei por voltar a Inglaterra de imediato e efectuar mais exames médicos para ter a certeza que está tudo bem.

Fabiano Sterlacchini, Director Técnico do Alice Team, mostrou-se confiante quanto a contra com o gaulês no Commercialbank Grande Prémio do Qatar e teve um acréscimo de motivação nas melhoradas prestações do companheiro de equipa de Guintoli, Toni Elías.

O Toni está física e mentalmente pronto; se temos de o ajudar a sentir-se bem com a moto, mas acreditamos que lhe vamos dar uma moto competitiva para o início da época no próximo domingo, disse Sterlacchini, enquanto o próprio piloto admite que ainda tem margem para melhorar com a Desmosedici GP8.

Digamos que esperávamos um pouco mais, mas isto será positivo quando procurarmos alternativas para o próximo fim-de-semana, quando os tempos por volta contam mesmo, afirmou Elías. Concluímos os nossos testes de Inverno e estamos um pouco atrás, mas temos tempo para melhorar as afinações da moto e adaptá-la ao meu estilo de pilotagem.

Tags:
MotoGP, 2008, Sylvain Guintoli, Toni Elias

Outras actualizações que o podem interessar ›