Compra de bilhetes
VideoPass purchase

De Puniet opina sobre sessões nocturnas

De Puniet opina sobre sessões nocturnas

Na segunda noite do Commercialbank Grande Prémio do Qatar o animado gaulês da LCR Honda Randy de Puniet falou com o motogp.com para dar a sua opinião quanto ao que é exigido dos pilotos da categoria rainha para rodarem nas condições únicas que estão a encontrar no circuito do deserto depois do cair da noite.

Na segunda noite do Commercialbank Grande Prémio do Qatar o animado gaulês da LCR Honda Randy de Puniet falou com o motogp.com para dar a sua opinião quanto ao que é exigido dos pilotos da categoria rainha para rodarem nas condições únicas que estão a encontrar no circuito do deserto depois do cair da noite.

Após algumas boas demonstrações na pré época, De Puniet ficou fora dos cinco primeiros nas sessões de treinos livres de sexta-feira e sábado - sofreu espectacular queda na última das três -, mas espera estar no ritmo quando chegar a altura da qualificação.

Temos de nos adaptar, disse o francês no paddock de Losail, mas na semana passada tivemos duas noites de testes aqui e foi necessário muito trabalho. Contudo, ao cabo de algumas voltas já estava bem, rodar à noite não é grande problema.

A única dificuldade surge no início, já que a pista está muito escorregadia, mas só melhora quando se fazem algumas voltas. Penso que as condições estão melhores que na semana passada porque a temperatura da pista está mais alta e as condições devem ser boas para a corrida.

Em termos de afinação é tal e como em qualquer outro Grande Prémio. Quando toca à escolha de pneus é claro que temos de optar por compostos mais macios; por exemplo, este fim-de-semana estamos a usar os mesmo pneus que em Jerez porque as temperaturas da pista são quase as mesmas das do teste que fizemos em Espanha. Por isso, não há grandes diferenças em termos de acerto da moto.

Tags:
MotoGP, 2008, Commercialbank GRAND PRIX OF QATAR, Randy de Puniet, LCR Honda MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›