Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Weber explica escolha de Jerez para pista de testes

Weber explica escolha de Jerez para pista de testes

Na sequência das mudanças de regulamentos de pneus de MotoGP durante o Inverno, e com a qual os fabricantes podem escolher um circuito para testarem durante quatro dias, mas apenas com pilotos de testes e não com pilotos das equipas, Jean-Philippe Weber, da Michelin, explicou ao motogp.com por que é que a companhia francesa optou por Jerez.

Na sequência das mudanças de regulamentos de pneus de MotoGP durante o Inverno, e com a qual os fabricantes podem escolher um circuito para testarem durante quatro dias, mas apenas com pilotos de testes e não com pilotos das equipas, Jean-Philippe Weber, da Michelin, explicou ao motogp.com por que é que a companhia francesa optou por Jerez.

Em conversa no traçado do Sul de Espanha, palco do Grande Prémio deste fim-de-semana, Weber afirmou: `Jerez é uma pista que conhecemos bem, já que temos muitos dados deste circuito. Sabemos como é que os pneus se protão e é apenas uma boa pista onde podemos trabalhar na prestação dos pneus.´

`É a pista onde temos a segunda corrida do ano e podemos voltar aqui sempre que quisermos, já que está disponível várias vezes e isso significa que podemos vir cá durante o Verão, quando as temperaturas estão mais altas. Depois também podemos voltar mais tarde, quando as temperaturas voltam a baixar, por isso dá-nos boa flexibilidade.´

Além dos testes ao longo do ano, segunda e terça-feira depois do Grande Prémio de Espanha a maior parte da grelha de MotoGP vai ficar no traçado para dois dias de testes, o que representa mais uma oportunidade de trabalho para a equipa de Weber.

Sobre a agenda desses dois dias de testes o chefe da Michelin comentou: `Normalmente, depois da corrida os construtores testam novos componentes e nós vamos continuar o desenvolvimento de pneus. Temos de trabalhar para as próximas corridas e afinar coisas como gestão de temperatura nos pneus. Temos alguns novos compostos em relação aos quais queremos verificar o desgaste e queremos ter mais dados em alguns novos compostos e tentar melhorar a performance para as próximas rondas.´

O francês também revelou que as mal sucedidas tentativas de garantir os serviços de dois pilotos de MotoGP de 2007, Alex Barros e Alex Hofmann, como pilotos de testes deram agora lugar a novas negociações com outros pilotos.

Tags:
MotoGP, 2008, GRAN PREMIO bwin.com DE ESPAÑA

Outras actualizações que o podem interessar ›