Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Emoções de MotoGP aumentam com visita à China

Emoções de MotoGP aumentam com visita à China

Com a temporada 2008 do MotoGP a entrar no terceiro mês, o MotoGP ruma a Xangai para a quarta jornada do Campeonato do Mundo, o Pramac Grand Prix da China, a 4 de Maio.

Com a temporada 2008 do MotoGP a entrar no terceiro mês, o MotoGP ruma a Xangai para a quarta jornada do Campeonato do Mundo, o Pramac Grand Prix da China, a 4 de Maio.

Enquanto todos os pilotos já somaram pontos nas três corridas já disputadas, dois destacam-se dos demais ao serem os únicos com pódios em todas as jornadas. Actualmente empatados na frente da classificação de MotoGP, os espanhóis Jorge Lorenzo e Dani Pedrosa levam a sua rivalidade para a China com os resultados de ambos a serem exactamente iguais até ao momento. Os dois somam 61 pontos, se bem que Lorenzo lidera, já que a vitória no Estoril é a mais recente.

O piloto da Fiat Yamaha teve um início de carreira de sonho no MotoGP. Com um recorde de 100% de poles na categoria rainha a trazer bons resultados, o espanhol colocou de parte quaisquer dúvidas sobre a sua capacidade de brilhar no MotoGP com a vitória no Estoril. O Campeão do Mundo de 250cc já venceu na China, nomeadamente no ano passado nas quarto de litro, se bem que esta será a sua estreia no traçado com uma máquina de MotoGP e logo depois de ter sido operado ao braço direito para corrigir problemas de pressão muscular no dia após a primeira vitória na categoria rainha.

O seu rival Pedrosa também conta com triunfos em Xangai, com a primeira vitória nas 4 tempos a surgir em 2006 na China. O piloto da Repsol Honda vai, uma vez mais, rodar sem o motor de válvula pneumática, ainda em desenvolvimento no Japão, se bem que ainda se está para ver que diferença isto fará quando a RC212V rodar na mais longa recta do ano.

Atrás da dupla espanhola surge o cinco vezes Campeão do Mundo Valentino Rossi a curta distância. O italiano está a adaptar-se aos pneus Bridgestone, uma novidade na sua M1 da Fiat Yamaha esta época, mas espera-se que lute pela vitória. O italiano está agora na mais longa sequência de ausência de triunfos desde que se estreou a ganhar no MotoGP em Donington, em 2000, mas, e tal como acontece na maioria das pistas do calendário deste ano, Rossi já ganhou em Xangai no passado.

A viver o mais baixo momento de forma desde que chegou à Ducati Marlboro, o Campeão do Mundo de 2007 Casey Stoner ficou fora do pódio nas duas últimas provas. A Desmosedici GP8 está a revelar-se diferente face à do ano passado, se bem que a máquina italiana estará claramente de regresso ao seu ambiente preferido na pista de Xangai. O australiano não deverá estar muito longe da acção na quarta ronda e estará apostado em repetir o triunfo ano ano passado.

O melhor classificado da satélite Tech3 Yamaha, James Toseland, está em quinto da geral, mas terá tarefa difícil pela frente na China. Como em Portugal, o britânico não conhece a pista, já que nunca testou nem correu nela antes.

Nesta fase ainda inicial da época o Top 10 deverá apresentar lutas interessantes. Loris Capirossi, da Rizla Suzuki, John Hopkins, da Kawasaki, o veterano Colin Edwards, o estreante Andrea Dovizioso e o Campeão do Mundo de 2006 Nicky Hayden têm todos a possibilidade de melhorarem significativamente as suas posições em Xangai.

Além disso, podem ainda seguir toda a acção no motogp.com com os nossos passes multimédia, todos eles disponíveis agora com 15% de desconto de 28 de Abril até 31 de Maio.

Tags:
MotoGP, 2008, PRAMAC GRAND PRIX OF CHINA

Outras actualizações que o podem interessar ›