Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Equipa Gresini quer impressionar em casa

Equipa Gresini quer impressionar em casa

A sexta ronda do Campeonato do Mundo de MotoGP é uma ocasião especial para a San Carlo Honda Gresini que vai correr em casa.

Para a equipa italiana de MotoGP San Carlo Honda Gresini o Grande Prémio de Itália Alice é a corrida caseira e a oportunidade de melhorar os resultados indo ao encontro das expectativas da própria formação.

A equipa tem base em Itália, é propriedade e gerida pelo italiano antigo Campeão do Mundo de 125cc Fausto Gresini e tem patrocinador italiano, a San Carlo.

Mais, desde que se juntou à equipa satélite da Honda no final do ano passado, Shinya Nakano está agora baseado em Itália, enquanto o seu novo companheiro de equipa e estreante de MotoGP Alex de Angelis deve contar com muito apoio em Mugello, já que é natural de San Marino.

Nakano e De Angelis têm ao seu dispor um conjunto sempre em melhoramento, com a HRC a prometer desenvolvimentos mais rápidos para as RC212V da equipa satélite depois da entrega da nova embraiagem – e a Bridgestone está a trabalhar o mais arduamente possível para fornecer borrachas competitivas.

Antevendo a sexta ronda, o patrão da equipa Gresini comentou: `O GP de Itália é um evento muito importante para nós. Correr em casa traz sempre motivação e emoção extra. Penso que o teste de Le Mans foi útil para darmos mais alguns passos em frente com os pneus – fizemos um grande trabalho em conjunto com a Bridgestone e penso que pode ser o factor que nos vai trazer de novo para um nível competitivo e permitir ao Alex e ao Shinya tirarem o máximo das suas capacidades enquanto pilotos.´

`Estamos a trabalhar muito para reduzirmos a diferença para os pilotos mais rápidos e esperamos um resultado de topo perante os nossos fãs. Seria fantástico se Mugello fosse o nosso trampolim para as posições do topo.´

De Angelis ainda não terminou nos dez primeiros até ao momento nesta temporada de estreia na categoria rainha, mas espera mudar isso em Mugello, isto apesar de estar consciente das dificuldades que terá para repetir os recentes pódios que conseguiu em Itália.

`É claramente uma ocasião especial para nós,´ notou o piloto de 24 anos. `Estive no pódio em Itália nos últimos três anos nas 250cc. Este ano isso não será possível, mas é claro que quero dar bom espectáculo ao meus fãs. Apesar da minha verdadeira corrida caseira ser em Misano, em San Marino, sei que os meus fãs planeiam estar em Mugello e estou certo que a presença deles me dará uma motivação extra para dar o meu máximo.´

Focando-se nos aspectos técnicos que a equipa terá de acertar para este fim-de-semana, Nakano acrescentou: `Estamos convencidos que temos bom conjunto, especialmente depois do teste de Le Mans. Trabalhando em conjunto com a Bridgestone conseguimos encontrar um pneu traseiro que torna a moto muito mais maneável – um aspecto que será muito importante para as rápidas mudanças de direcção de Mugello. Até agora temos tido poucos resultados nos dez primeiros, mas queremos melhor. O meu objectivo para Mugello são os seis primeiros.´

Tags:
MotoGP, 2008, GRAN PREMIO D'ITALIA ALICE, Alex de Angelis, Shinya Nakano, San Carlo Honda Gresini

Outras actualizações que o podem interessar ›