Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Michelin preparada para trabalho italiano

Michelin preparada para trabalho italiano

Jean-Philippe Weber, o responsável do departamento de competição em duas rodas da Michelin, está confiante para a sexta ronda da temporada.

Os fornecedores de pneus Michelin esperam continuar a obter sucessos no Grande Prémio de Itália Alice, com três dos actuais cinco primeiros do Campeonato do Mundo, Jorge Lorenzo (Fiat Yamaha), Dani Pedrosa (Repsol Honda) e Colin Edwards (Tech3 Yamaha) a rodarem com borrachas francesas.

A visita a Mugello para a sexta ronda do ano verá também a estreia da estrela italiana Andrea Dovizioso (JiR Team Scot) em casa, com a Michelin a fazer a sua parte do trabalho para o ajudar a conquistar o primeiro pódio nas 800cc.

Há também o desafio de tentar bater o Campeão do Mundo Casey Stoner e o líder do campeonato Valentino Rossi e os seus Bridgestone, ainda para mais com o italiano a ser responsável pelo sucesso da Michelin nos últimos anos em Mugello antes de mudar de fornecedor de pneus no Inverno.

Na verdade, a Michelin conta com fantástico conjunto de resultados em Mugello, tendo vencido as últimas 15 corridas da categoria rainha disputadas na pista.

`Estamos muito ansiosos por ver o Andrea alinhar na sua primeira corrida caseira de MotoGP,´ diz Jean-Philippe Weber. `Ele fez um início de carreira de MotoGP muito bom. Apesar do azar ele mostrou ser capaz de terminar nos cinco ou seis primeiros, isto apesar de ser um estreante e de não ter uma moto de fábrica.´

`O estilo de pilotagem dele é um desafio interessante para nós – é suave e agressivo e passa mais tempo na inclinação máxima que a maioria dos pilotos, por isso estamos a trabalhar para lhe dar aderência e equilíbrio ao pneu frontal.´

Sobre as exigências da pista italiana Weber afirma: `Mugello é uma grande pista, com muitas mudanças de elevação, que são a sua grande característica, tanto em termos de pilotagem, como em termos de pneus. O circuito não é um dos mais exigentes para os pneus, é um pouco mais duro que Le Mans, mas o interessante é a forma como as secções ascendentes afectam o pneu traseiro e as descendentes o pneu frontal.´

`O outro grande factor em Mugello é a potência – a recta é uma das mais longas do MotoGP.´

Tags:
MotoGP, 2008, GRAN PREMIO D'ITALIA ALICE

Outras actualizações que o podem interessar ›