Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Michelin contente com regresso das vitórias e à procura de mais melhoramentos

Michelin contente com regresso das vitórias e à procura de mais melhoramentos

Muito contente com o regresso da Michelin às vitórias, Jean-Philippe Weber citou o teste pós corrida na Catalunha como crucial para a época do fabricante de pneus.

O regresso de Dani Pedrosa, da Repsol, às vitórias trouxe a Michelin de volta ao mais alto do pódio na Catalunha depois de três corridas de domínio da Bridgestone e Valentino Rossi. Quatro dos seis primeiros na Catalunha são pilotos que rodam com pneus Michelin, mas o fabricante não vai descansar à sombra dos resultados, ainda para mais numa altura em que a guerra de pneus com a Bridgestone está tão equilibrada.

`É muito bom quando um piloto pode optar por pneus duros e ser rápido no início, porque assim sabe-se logo que o ritmo será bom até ao final da corrida, e isso é o mais importante. Também estamos muito contentes por vermos os nossos outros pilotos melhorarem o andamento. O Andrea Dovizioso fez uma corrida brilhante e, mais uma vez, obrigado aos nossos pilotos da Tech3 que foram fantásticos, tal como tinham sido em Mugello na semana passada,´ disse o responsável do departamento de competição em duas rodas da Michelin, Jean-Phillipe Weber.

Duas vitórias por parte de Dani Pedrosa, da Repsol Honda, e outra de Jorge Lorenzo, da Fiat Yamaha, deram à Michelin positivo início de época em termos de prestação em corrida. Na qualificação apenas nas últimas duas provas é que a Bridgestone logrou assinar a pole, com Lorenzo, Pedrosa e Colin Edwards, da Tech3 Yamaha, a representarem as borrachas francesas na frente da grelha nas cinco primeiras corridas.

No mundo de rápida mudança do MotoGP, os fornecedores de pneus estão sempre à procura de mais aderência e durabilidade para levarem as coisas a um nível superior. Tais aspectos vão ser abordados pela Michelin na segunda e terça-feira no teste pós corrida, como Jean-Philippe explicou.

`Trouxemos algumas coisas importantes para os próximos dois dias, pelo que vão ser dias de significativa importância. Dois dias de testes e depois só voltamos a poder testar depois da corrida na República Checa, em Brno, o que faz com que nesta sessão estejamos mesmo à procura de melhorias na prestação dos pneus.´

Tags:
MotoGP, 2008, GRAN PREMI CINZANO DE CATALUNYA

Outras actualizações que o podem interessar ›