Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Rossi e Fiat Yamaha com assuntos por resolver em Le Mans

Rossi e Fiat Yamaha com assuntos por resolver em Le Mans

Valentino Rossi, da Fiat Yamaha, chega a França com a intensão de somar mais uma vitória e acabar com alguns fantasmas.

A vitória de Valentino Rossi na China colocou-o de novo no caminho rumo ao Campeonato do Mundo, estando agora apenas a nove pontos do líder Dani Pedrosa e em bom momento de forma. Prestes a iniciar a sequência de sete corridas europeias que por tradição é altura em que soma sempre mais pontos, o italiano e o Director Desportivo Davide Brivio sentem que Le Mans será, uma vez mais, o início de altura crucial da época.

`A China foi muito importante para a moral de todos e um grande resultado para o árduo trabalho que todos têm levado a cabo esta temporada para chegarmos a este ponto e agora temos de tirar o máximo deste momento e continuar a lutar por este tipo de resultados,´ diz Rossi, que terminou a longa sequência de corridas sem vencer.

O piloto de 29 anos conta com duas vitórias na categoria rainha em Le Mans, se bem que os últimos dois anos se desviaram do guião. Na época passada a chuva mudou a corrida, enquanto em 2006 Rossi teve problemas de pneus que ditaram o fim da corrida quando caminhava para a vitória. A correr com Bridgestone em casa da Michelin pela primeira vez, a repetição do pódio de borrachas totalmente nipónico de 2007 com a adição de Rossi no primeiro posto seria uma grande ajuda para a causa da Fiat Yamaha.

`Por norma a Yamaha dá-se muito bem em Le Mans e, apesar de ser a nossa primeira com a Bridgestone, acredito que seremos fortes aqui. Estamos a nove pontos do topo da classificação, mas os nossos rivais também estão muito motivados, por isso não haverá descanso e temos de dar tudo para conseguirmos o máximo de pontos outra vez.´

`No ano passado Le Mans foi uma grande desilusão para nós – esperávamos um bom resultado no seco, mas acabou por chover e as coisas não correram como planeado. Este ano, contudo, vamos para lá muito motivados depois do resultado na China e acredito que podemos ter um bom fim-de-semana,´ conclui o cinco vezes Campeão do Mundo de MotoGP.

O espectáculo de Rossi em Xangai também trouxe sorrisos à cara de Davide Brivio, um homem que sabe bem que o italiano contente e com vitórias é garante de atmosfera muito positiva na boxe.

`Le Mans é o início de um período muito atarefado no Campeonato, mas depois da China estamos prontos! Xangai foi uma corrida muito importante para nós porque mostrámos o progresso que fizemos desde o Qatar. Os engenheiros fizeram um grande trabalho, o Valentino foi incrível e isso dá-nos grande motivação e confiança,´ diz Brivio.

`Todos sentimos que podemos ganhar e não podemos esperar por lutar por isso. Em 2006 estivemos muito perto de vencer em Le Mans, mas um problema técnico não o deixou e no ano passado também não conseguimos devido à chuva, por isso achamos que temos assuntos a resolver e estamos desejosos por voltar a lutar.´

Se Rossi conseguir somar a segunda vitória em igual número de corridas igualará Angel Nieto com um total de 90 vitórias em Grandes Prémios.

Tags:
MotoGP, 2008, ALICE GRAND PRIX DE FRANCE, Valentino Rossi, Fiat Yamaha Team

Outras actualizações que o podem interessar ›