Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Denning e Vermeulen revêm teste de Brno

Denning e Vermeulen revêm teste de Brno

Depois da bem sucedida visita à República Checa, a Rizla Suzuki deixou Brno com espírito positivo depois mais progressos no teste pós Grande Prémio.

Na sequência do terceiro pódio consecutivo da Rizla Suzuki, desta feita cortesia de Loris Capirossi em Brno, o Director Desportivo Paul Denning mostrou-se contente com os esforço do seu pessoal no domingo – com mais melhorias a serem procuradas nos dois dias de testes que se seguiram à corrida de Brno na segunda e terça-feira.

A trabalharem em conjunto com a Bridgestone, Capirossi e Chris Vermeulen procuraram mais durabilidade dos pneus durante os testes – isto depois ambos de terem sentido alguns problemas nesta área já perto do final de algumas corridas deste ano.

Além disso, a Suzuki forneceu ainda novo chassis – originalmente previsto para a GSV-R800 de 2009 – uma melhoria que produziu respostas positivas de imediato e que pode agora ser introduzido na actual moto da equipa dependendo da disponibilidade da fábrica.

Como Denning explicou: `Não temos tentado grandes tempos por volta. Temos procurado melhorar a durabilidade do pneu frontal. A Bridgestone fez um trabalho impressionante com os pneus aqui, mas em algumas pistas temos tido algumas restrições no final das corridas. A nossa moto tem usado o pneu frontal mais que as dos outros fabricantes com borrachas Bridgestone. Agora encontrámos algumas soluções interessantes para isso.´

Depois de ter visto Capirossi e Vermeulen terminar o teste na terça-feira com os terceiro e quarto tempos, respectivamente, Denning também comentou: `Também testámos novo chassis que esperamos vir a afectar a aderência. Isto traz também bons resultados. Na verdade, este teste de Brno não era à volta de resultados, era mais uma tentativa de compreender a melhor direcção a seguir com a moto de 2009 e este foi o primeiro passo para conseguirmos informações.´

Equanto isso, Denning não deixou de referir, com entusiasmo, a possível manutenção dos seus dois pilotos na próxima época: `Sempre dissemos que estamos muito contentes com os nossos pilotos e que temos de melhorar o nível da nossa moto, depois o nível deles vai automaticamente melhorar. Estamos muito perto de dar os passos certos com os nossos dois pilotos, por isso espero poder confirmar isso em Misano, ou logo após.´

Do ponto de vista de Vermeulen o teste também foi visto como positivo, depois do australiano ter caído de segundo, nas voltas sete e oito na corrida de domingo em Brno, para acabar por terminar em sexto.

Ele afirmou: `Recebemos algumas modificações de chassis da Suzuki e a Bridgestone tem trabalhado muito arduamente. Tivemos velocidade durante o fim-de-semana do GP, mas não conseguimos tirar o melhor partido dela ao longo das 22 voltas. Sentimos que fizemos progressos neste teste.´

Quanto às boas sensações conseguidas de imediato com o novo chassis Vermeulen revelou: `Pedi para usar o novo chassis a partir de Misano e, apesar de não ter ainda resposta quanto à sua disponibilidade, espero poder usá-lo a partir de agora.´

`O objectivo são os cinco primeiros. Estou em sétimo neste momento, mas o (Jorge) Lorenzo não está muito longe, em quarto. Se conseguirmos algumas boas corridas e terminar nos cinco primeiros penso que será uma boa temporada com o conjunto que agora temos,´ rematou em relação ao Campeonato.

Tags:
MotoGP, 2008, Chris Vermeulen, Rizla Suzuki MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›