Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Bautista vence emocionante batalha das 250cc em Misano

Bautista vence emocionante batalha das 250cc em Misano

Álvaro Bautista foi o grande vencedor da corrida da época das quarto de litro disputada este domingo em Misano.

Álvaro Bautista arrebatou a terceira vitória do ano e os respectivos 25 pontos no que foi a mais emocionante corrida do ano até ao momento e que teve lugar este domingo em Misano. O espanhol fez uma prova de sonho, vencendo a partir da terceira linha da grelha e vendo alguns dos grandes nomes da classe caírem pelo caminho.

Apesar de ter lutado para passar alguns pilotos mais difíceis, Bautista foi, talvez, o piloto que fez a corrida mais reservada de entre os homens da frente. O piloto da Mapfre Aspar conseguiu, de todas as formas, evitar algumas grandes quedas e ultrapassagens mais duras que acabaram por apanhar de surpresa alguns dos esperados candidatos à vitória, subindo para terceiro da classificação geral a apenas um ponto de Mika Kallio.

Yuki Takahashi foi outro piloto que conseguiu ficar longe das confusões, vindo de uma magnífica partida desde a primeira linha da grelha. A estrela nipónica do JiR Team Scot garantiu o melhor resultado do ano com o segundo posto.

Um homem que nunca esteve longe da acção em Misano foi quem fechou o pódio: Hector Barberá. O espanhol esteve envolvido em alguns dos principais incidentes da corrida. Por duas vezes alargou a trajectória em conjunto com o rival Marco Simoncelli enquanto brincavam ao gato e ao rato, isto depois de ter lutado com o piloto Matia Pasini, que acabou por cair na 11ª volta. O italiano saiu ileso do acidente, mas claramente aborrecido com Barberá.

Roberto Locatelli foi o melhor italiano depois de grande prestação. O piloto da Metis Gilera terminou em quarto, à frente de Julian Simon, da Repsol KTM. O líder do campeonato Simoncelli saiu ileso da luta com Barberá, mas caiu sozinho na 21ª volta, ficando assim fora do pódio, terminando em sexto.

Thomas Lüthi, Ratthapark Wilairot, Lukas Pesek e Karel Abraham foram os pilotos que completaram a lista dos dez primeiros que não incluiu os pilotos da Red Bull KTM Kallio e Hiroshi Aoyama, estes dois a colidirem ainda cedo, o que levou a animada discussão na box da KTM depois do incidente com ambos os pilotos a ficarem a zeros.

Tags:
250cc, 2008, GP CINZANO DI SAN MARINO E DELLA RIVIERA DI RIMINI, RAC

Outras actualizações que o podem interessar ›