Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Michelin beneficia de boa prestação em Indianápolis

Michelin beneficia de boa prestação em Indianápolis

Com três pilotos nos cinco primeiros classificados em Indianápolis a rodarem com pneus Michelin – incluindo os homens do pódio Nicky Hayden e Jorge Lorenzo – o fabricante francês regressou à boa forma no Brickyard.

O tempo causou problemas tanto à Michelin, como aos rivais Bridgestone, na vista aos Estados Unidos, combinando ainda o facto de ambos terem efectuado poucos testes numa superfície totalmente nova. O director de competição em duas rodas da Michelin, Jean-Phillip Weber, explicou com é que a estratégia da marca deu frutos e que para eles a corrida tenha, talvez, terminado na altura certa.

`É uma pista traiçoeira e as condições estavam incrivelmente difíceis, o vento e a chuva a mudarem sempre. Depois, quando começou a chover forte sabíamos que se ia tornar difícil para todos os pilotos por causa do desgaste dos pneus. Estamos contentes por tudo ter corrido bem. Os nossos parabéns ao Nicky e ao Jorge pelos seus pódios, mas também ao Andrea Dovizioso que teve uma grande batalha com o Casey Stoner,´ disse Weber, que revelou que tanto Hayden, como Colin Edwards, fizeram pedidos especiais de borrachas.

`Escolhemos pneus muito duros porque a maior da pista tem aderência e é agressiva. Penso que fizemos a escolha certa porque o Nicky, o Jorge e o Andrea tiveram corridas excelentes, se bem que o Nicky e o Colin tinham pneus um pouco mais macios que os outros. Estamos contentes por os nossos pilotos terem tido boa prestação hoje.´

Hayden desgastou muito os pneus durante a parte seca da corrida e a estratégia mais conservadora de Lorenzo quase permitiu ao espanhol anular na totalidade a diferença de cinco segundos entre os dois naquela que acabou por ser a última volta da prova.

Tags:
MotoGP, 2008, RED BULL INDIANAPOLIS GRAND PRIX

Outras actualizações que o podem interessar ›