Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Stoner reconhece inspiração de Doohan

Stoner reconhece inspiração de Doohan

Com os dois pilotos a serem homenageados pelos seus Campeonatos do Mundo em Phillip Island nesta sexta-feira, Casey Stoner falou com o motogp.com sobre a sua admiração pela Lenda do MotoGP Mick Doohan.

A `MotoGP Champions Towers´ foi entregue esta sexta-feira em Phillip Island aos Campeões do Mundo australianos da categoria rainha em reconhecimento dos feitos conseguidos ao longo das suas carreiras, juntando o vencedor do ceptro de 2007 Casey Stoner e o lendário Mick Doohan.

Parte integrante da celebração da 60ª temporada de Grandes Prémios este ano, o vencedor do título de 1987 Wayne Gardner e o filho de Barry Sheene, Freddie, em representação do pai, também receberam os prémios. Em discurso no evento, Stoner não demorou a prestar tributo ao herói australiano Doohan, que venceu cinco vezes o Campeonato do Mundo de 500cc sem interrupções durante os finais dos anos 90.

Doohan venceu os cinco Campeonatos do Mundo de forma consecutiva de 1994 a 98 depois de ter lutado de forma incrível contra uma lesão quando, a dada altura, esteve perto de perder a perna direita devido a complicações médicas na sequência de uma horrífica queda nos treinos de Assen quando liderava o Campeonato de 92 com 65 pontos de vantagem.

Actualmente a debater-se com uma lesão no pulso que lhe causa fadiga e dores durante os treinos e corridas, Stoner vai necessitar de ser operado no final desta época, tendo já mesmo admitido que, de outra forma, a sua carreira estaria em risco – mas não compara a sua situação com aquilo por que Doohan passou.

O piloto da Ducati Marlboro afirmou: `Foi um grande privilégio receber o troféu ao mesmo tempo que estes tipos, já que cresci a vê-los e eles influenciaram a minha carreira. Não precisamos de ouvir as pessoas directamente quando podemos ver o que atingiram (referência ao regresso da lesão de Doohan). Com o meu pulso só podemos fazer o melhor possível para recuperar dela e assim que fizer a operação estou certo que tudo vai ficar bem. Não é como a lesão que o Mick teve.´

Na pista na sexta-feira, Stoner terminou o primeiro dia da visita de 2008 à sua pista caseira com o melhor tempo, cortesia do 1m30,094s durante a sessão seca da manhã, o que lhe permitiu ficar com mais de meio segundo de vantagem sobre o rival Valentino Rossi, que foi segundo.

Apesar de Stoner ter dito que rodou de forma mais calma na molhada sessão da tarde, o australiano ficou a 1,765s de Nick Hayden, terminando com o quarto tempo dos treinos livres 2.

`Esta manhã, no seco, foi muito mais difícil, as condições não chuva são grande problema de momento. No seco a mudança de direcção parece estar um pouco difícil. É por isso que queria tentar afinar a moto de forma um pouco mais fácil e depois talvez esteja tudo bem.´

Tags:
MotoGP, 2008, AUSTRALIAN GRAND PRIX, Casey Stoner, Fiat Yamaha Team

Outras actualizações que o podem interessar ›