Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Kawasaki Racing com luz verde do Japão para terceira moto

Kawasaki Racing com luz verde do Japão para terceira moto

A possibilidade da Kawasaki rodar com uma terceira máquina na grelha do MotoGP de 2009 está cada vez mais perto de se tornar realidade depois de ter recebido o aval da Kawasaki Heavy Industries no Japão.

Os esforços para a introdução de uma terceira moto da Kawasaki no Campeonato do Mundo de 2009 deram importante passo na direcção certa depois de terem recebido a aprovação do Japão no que toca aos projectos de Michael Bartholemy com vista a uma moto extra.

O director da formação com base na Europa tem agora autorização para controlar totalmente os processo de discussão para assegurar patrocínios e o sempre necessário piloto. Depois de longas negociações, o trabalho no projecto pode agora continuar a bom ritmo e os detalhes finais devem ser anunciados ainda antes do Polini Grande Prémio da Malásia dentro de 15 dias.

Bartholemy disse ao motogp.com na manhã de sábado: `Houve muitas discussões nos últimos meses, muitos altos e baixos. Tivemos uma grande reunião com o Carmelo (Ezpeleta, Presidente da Dorna) e com os nossos presidentes em Motegi e dissemos que depois faríamos um anúncio nos dias que se seguiam.´

`Assim, do nosso lado é agora claro que somos capazes de fornecer uma terceira moto para o Campeonato. Vimos confirmados os recursos para o fazermos, mas agora temos de reunir o dinheiro para gerir a equipa e também de encontrar um piloto, são esses os próximos passos.´

A filosofia por de trás do projecto será de uma moto gerida pela estrutura de fábrica, usando o seu próprio pessoal técnico, com fundos extra e apropriado nível de gestão por parte de quem patrocinar.

Bartholemy quer que o projecto acelere o desenvolvimento – e, assim, aumentar a competitividade – da Ninja ZX-RR que será usada por John Hopkins e o novo piloto Marco Melandri na formação principal de fábrica na próxima época.

`Agora temos de nos encontrar com as pessoas que vemos como capazes de pagarem um projecto como este,´ acrescentou Bartholemy. `Temos um piloto em mente que nos pode judar neste projecto, desenvolvê-lo rapidamente, para que possamos levar todas as nossas motos a um nível melhor no próximo ano. É para isto que temos de olhar nos próximos dias.´

Tags:
MotoGP, 2008, AUSTRALIAN GRAND PRIX, Kawasaki Racing Team

Outras actualizações que o podem interessar ›