Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Stoner quer terminar temporada para testar com a GP9

Stoner quer terminar temporada para testar com a GP9

A necessidade de testar a Ducati Desmosedici GP9 em Valência é a principal motivação de Casey Stoner para não levar já a cabo a necessária operação ao pulso esquerdo.

Vencedor da sua corrida caseira na Austrália pelo segundo ano consecutivo, isto apesar da lesão no escafoide a necessitar de operação urgente, o Campeão do Mundo Casey Stoner admite que o único motivo pelo qual continua a correr nesta época é a necessidade de testar a Ducati Desmosedici GP9 no ensaio que se segue à corrida de Valência.

Actualmente na frente da batalha pelo segundo posto nesta campanha de 2008, Stoner tem rodado contra as dores e não está no melhor momento de forma. Com o título já nas mãos de Valentino Rossi e o longo período de recuperação necessário após a operação, a opção de falhar as últimas corridas da época foi considerada pelo piloto e equipa, mas a necessidade de acertar a direcção a seguir com o desenvolvimento da moto de 2009 levou Stoner a decidir correr até ao final do ano.

`(O teste de Valência) é a única razão pela qual estamos a continuar com esta época,´ diz Stoner, que já rodou com a GP no teste que se seguiu à prova da Catalunha.

`Temos de voltar a testar a moto porque vou ter um período de três meses em que não vou poder testar e os técnicos precisão do máximo de informação possível. Se vou rodar depois da corrida de Valência, mais vale fazer estas duas últimas corridas também. Se se tornar impossível rodar, então vamos parar e fazer a operação, mas neste momento parece que podemos terminar a época.´

Stoner está consciente das exigências da próxima pista do calendário, Sepang, na Malásia, com o calor intenso a criar dificuldades acrescidas para os que não estão a 100%. Enquanto os treinos têm sido difíceis para o ainda Campeão, ele vai tentar tudo o que pode para estar em boa forma na corrida, tal como fez para vencer em Phillip Island.

A perspectiva de um período fora de acção também deixou o piloto da Ducati a reflectir um pouco, se bem que não menos competitivo em termos mentais.

`Temos duas corridas pela frente e as coisas têm de correr bem para confirmarmos o segundo lugar no Campeonato do Muno. Tenho pensado muito nos últimos tempos e terminar este campeonato em segundo é motivo de orgulho quando me retirar. Estamos a fazer o melhor com a minha carreira e penso que podemos voltar a lutar pelo ceptro no próximo ano,´ filosofou Stoner.

Tags:
MotoGP, 2008, AUSTRALIAN GRAND PRIX, Casey Stoner, Ducati Marlboro Team

Outras actualizações que o podem interessar ›