Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Simoncelli e Simon dominam primeiro dia de testes no Circuito do Estoril

Simoncelli e Simon dominam primeiro dia de testes no Circuito do Estoril

Foi com sol e temperaturas a rondar os 25ºC que o Circuito do Estoril recebeu neste domingo os pilotos das categorias mais baixas do Campeonato do Mundo de MotoGP para mais uma sessão de três dias de testes de pré época.

O italiano O Campeão do Mundo de 250cc Marco Simoncelli (Metis Gilera) começou o dia com calma, deixando-se bater pelo candidato ao ceptro de 2009 Hector Barberá (Pepe World Pons) durante a manhã. Contudo, Simoncelli não deixou os créditos por mãos alheias e, da parte da tarde, retirou 3,1 segundos à sua marca matinal para terminar o primeiro dos três dias de testes com 1m41,282s. No entanto, o transalpino não conseguiu evitar uma queda sem consequências na sua última volta, a cerca de 20 minutos do final do teste.

“O teste correu muito bem, testámos algumas coisas novas e fomos os mais rápidos. Só pena no final do dia ter sofrido uma pequena queda; a temperatura já estava baixa, estava um pouco cansado e puxei demais, o que me fez perder a frente. Mas não foi nada de especial,” rematou o Campeão do Mundo de 250cc de 2008.

Mas quem acabou por dar nas vistas foi precisamente o mais lesto da manhã. Barberá, que regressou à acção este domingo no Circuito do Estoril depois de vários meses de ausência devido ao grave acidente sofrido no GP do Japão do ano passado, terminou a sessão com o segundo melhor registo, sendo o único além de Simoncelli a rodar abaixo do segundo 42. O espanhol da Pepe World Pons ficou a 0,017s do Campeão do Mundo, dando excelente mostra da sua recuperação.

“Hoje trata-se apenas de um primeiro contacto com a moto, bem como de uma avaliação a minha forma física que, diga-se, correu muito bem. Rodei sem problemas e não senti dores, pelo que amanhã talvez façamos uma simulação de corrida,” afirmou Barberá, que foi o piloto a efectuar mais voltas (89) neste primeiro dia de trabalho no Estoril.

O terceiro tempo do dia ficou a cargo de Mike di Meglio. O gaulês da Mapfre Aspar Team 250cc terminou a jornada de domingo a 0,730s de Simoncelli, com Alex Debon e Roberto Locatelli a fecharem a lista dos cinco primeiros. Já o vice-Campeão do Mundo Álvaro Bautista quedou-se por um modesto 10º tempo a 2,4s da frente.

Já no que toca às 125cc Julian Simon (Bancaja Aspar Team 125cc) foi o melhor do dia. O jovem espanhol já tinha sido o mais rápido da manhã e continuou a apresentar ritmo forte durante a tarde para terminar a sessão com uma marca de 1m45,863s. Simon retirou 1,001s ao seu registo matinal, deixando Sandro Cortese (Ajo Interwetten), o seu mais directo rival neste domingo, a 0,5s de distância, isto apesar do ensaio não ter começado da melhor forma para o jovem piloto.

“De manhã tivemos alguns problemas de motor, mas assim que ultrapassámos as dificuldades começámos a trabalhar em algumas coisas novas e isso permitiu-nos sermos os mais rápidos neste primeiro dia, o que me deixa contente. De todas as formas, amanhã vamos tentar baixar mais os tempos e melhorar a minha prestação na moto,” explicou o piloto da Bancaja Aspar Team 125cc.

Enquanto isso, o jovem britânico Bradley Smith ficou a mais três décimos de segundo de distância do companheiro de equipa Simon, fazendo com que Sérgio Gadea e Pol Espargaró completassem o Top 5.

Registaram-se ainda mais cinco; Karel Abraham e Vladimir Leonov (por duas vezes) foram os representantes das 250cc a travarem contacto directo com o asfalto do Circuito do Estoril, enquanto nas 125cc foram Esteve Rabat e Randy Krummenacher. Em qualquer um dos casos os pilotos não sofreram lesões.

Tags:
250cc, 2009

Outras actualizações que o podem interessar ›