Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Regras e restrições: Como vai funcionar a regra de fornecedor único de pneus em 2009

Regras e restrições: Como vai funcionar a regra de fornecedor único de pneus em 2009

Detalhes sobre a nova regra de um só fornecedor de pneus para o MotoGP, de acordo com o anunciado pela FIM em Dezembro.

A introdução da regra de um só fornecedor de pneus no MotoGP traz com ela a necessidade de medidas para garantir a paridade e fácil aplicação e foram anunciados novos regulamentos no final do ano passado. O documento na íntegra pode ser encontrado no site Oficial da FIM, mas abaixo encontrará alguns dos principal detalhes da implementação do novo sistema.

Serão fornecidos 20 pneus slick por piloto em cada fim-de-semana de corrida, abrangendo sessões de treinos, warmup e a própria corrida. Quatro conjuntos de borrachas frontais `A´ e quatro `B´, mais seis `A´ e `B´ traseiros serão entregues a cada piloto. Estarão também disponíveis quatro pneus de chuva.

A Bridgestone tem a responsabilidade de produção dos pneus a serem usados em cada Grande Prémio, mas a distribuição dos pneumáticos a cada piloto será da responsabilidade do Director Técnico Mike Webb e seu pessoal. Eles distribuirão as borrachas de forma aleatória sem influências da Bridgestone, equipas e pilotos.

O processo de distribuição dos pneus terá lugar no dia anterior ao início dos treinos (quinta-feira na maioria dos casos) e não pode ser alterada após as 17 horas. Qualquer piloto de substituição que seja introduzido depois dessa hora – como aconteceu com Chaz Davies no Red Bull Grande Prémio dos EUA de 2007 – só poderá usar os pneus do piloto que vai substituir.

Pneus idênticos – com a escolha da especificação a caber apenas à Bridgestone – serão marcados individualmente, marcações essas que serão apresentadas do Director Técnico antes dos treinos.

Tags:
MotoGP, 2008

Outras actualizações que o podem interessar ›