Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Stoner descreve caminho até à vitória em Itália

Stoner descreve caminho até à vitória em Itália

Casey Stoner teve corrida complicada no Grande Prémio Alice de Itália, mas apresentou uma prestação de elevado profissionalismo para levar a melhor na corrida ao título.

Dando à Ducati a primeira vitória de sempre em Mugello no domingo, Casey Stoner sobreviveu ao susto da última volta quando cometeu um erro na curva Correntario – em frente dos fãs da marca italiana – e também conseguiu ultrapassar dificuldades com a embraiagem nos momentos finais para levar a prova de vencida com um segundo de margem e recuperar a liderança do campeonato.

Tendo feito boa partida no molhado, Stoner caiu algumas posições na classificação antes de mudar para slicks e regressar à pista para rumar até à frente da corrida.

Colocando um ponto final nos sete anos de vitórias consecutivas de Valentino Rossi em Mugello e evitando o segunda triunfo seguido de Jorge Lorenzo em 2009 com sólida prestação, apesar de algumas dificuldades técnicas que explicou no final, Stoner conseguiu importante resultado psicológico nos montes da Toscana.

Descrevendo a corrida afirmou: “No início começámos muito bem e sentia-me bem com a moto, estava a funcionar bem, mas assim que começaram a surgir zonas secas os nossos pneus começaram a degradar-se e não tinha aderência. Apenas tentei manter a diferença para os outros pilotos até poder trocar para slicks e depois sabia que não estaria em tanta desvantagem.”

“Assim que montei os slicks comecei logo a sentir-me bem e consegui chegar à frente rapidamente, mas depois comecei a ter problemas com a embraiagem,” continuou Stoner. “As rotações estavam a chegar ao limitador e não tinha propulsão. Limitei-me a tentar ajustá-la e consegui voltar a rodar bem, mas mesmo assim era difícil nas curvas.”

O jovem australiano disse ainda: “Foi uma corrida mesmo dura e só a queria terminar. Tentei rodar de forma suave e manter os mesmos tempos por volta, mesmo não podendo rodar da forma que queria. Na última volta puxei em zonas onde não o tinha feito durante toda a corrida e cometi um erro, pelo que tive sorte de vencer. Mas penso que a equipa fez um grande trabalho e estamos muito gratos por esta vitória.”

Tags:
MotoGP, 2009, GRAN PREMIO D'ITALIA ALICE, Casey Stoner, Ducati Marlboro Team

Outras actualizações que o podem interessar ›