Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Problemas na curva 1 colocam fim a TT para Pedrosa e Dovizioso

Problemas na curva 1 colocam fim a TT para Pedrosa e Dovizioso

Dupla da Repsol Honda cai e desiste na mesma curva em incidentes separados.

Os pilotos da Repsol Honda Dani Pedrosa e Andrea Dovizioso pareciam capazes de lutar pelo pódio no Alice TT Assen, mas nenhum dos dois conseguiu ver a bandeira de xadrez depois de caírem vítimas da histórica primeira curva da pista. Os incidentes separados deixaram a equipa de fábrica a zeros e fizeram com que a Honda tenha passado mais uma corrida sem vencer.

Se houve pontos positivos a retirar da sétima ronda, o maior terá sido o facto de Pedrosa ter saído ileso da queda. Ele levantou-se de imediato após a pequena queda com a sua RC212V, logo após ter passado o rival Jorge Lorenzo.

“A boa notícia foi não me ter magoado na queda e, tendo em conta a minha sorte com lesões nos últimos tempos, isto é um grande alívio,” disse o espanhol que tem gradualmente deixado os analgésicos que tem tomado por causa da fractura no fémur e que o fez falhar boa parte da pré época.

“Mas é claro que estou desapontado com o resultado de hoje porque, apesar de não ser muito provável vencer a corrida, sentia-me de novo forte na moto e acredito que podia ter terminado no pódio. Acho que a minha máquina esteve muito melhor neste fim-de-semana e consegui rodar perto do máximo do seu potencial, pelo que estava muito confiante para esta corrida. Fiz uma partida rápida e encontrei bom ritmo, pelo que a queda foi totalmente inesperada – não tive qualquer aviso de que isto podia acontecer ao longo de todo o fim-de-semana.”

O companheiro de equipa Dovizioso estava no que já é a sua imagem de marca, em quarto a correr atrás do pódio quando caiu sete voltas mais tarde. Como Pedrosa, o italiano saiu ileso, mas frustrado.

“No início da corrida estava a rodar bem e com ritmo rápido – o mesmo dos treinos. O quarto lugar começava a surgir nas cartas e acredito que teria conseguido um resultado bom para nós, pelo que estou muito desapontado com a queda na curva um,” revelou Dovizioso.

“Fiz uma boa largada, mas fiquei preso no meio de uma série de pilotos e demorei algumas voltas a recuperar. Assim que os passei senti-me confortável, se bem que não tinha a certeza de ser capaz de apanhar o Stoner. Depois, quando estava no meio da curva com a inclinação máxima perdi a frente. Não estava a travar quando aconteceu – temos de nos inclinar muito no meio da curva e foi aí que aconteceu.”

Ambos os pilotos estavam a usar o novo chassis para o Alice TT Assen, se bem que apenas Dovizioso levou a cabo extenso trabalho com este quadro no teste pós corrida de Barcelona. Os dois pilotos continuam separados por apenas dois pontos em quarto e quinto, respectivamente.

Tags:
MotoGP, 2009, ALICE TT ASSEN, Andrea Dovizioso, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›