Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Edwards determinado a satisfazer o público desde sétimo

Edwards determinado a satisfazer o público desde sétimo

Mais abaixo na grelha que o esperado em Laguna Seca, o piloto da casa Colin Edwards continuar a querer dar motivos de celebração ao público norte-americano no domingo.

Colin Edwards, que nunca ficou abaixo da terceira linha da grelha em 2009,vai partir para as 32 voltas a Laguna Seca de domingo desde a sétima posição depois de ter assinado um tempo de 1m22,490s na qualificação.

Apesar de encontrado problemas na frente da sua Monster Yamaha Tech 3 YZR-M1, o piloto de 35 anos ficou a pouco mais de meio segundo da primeira linha.

Edwards, que perdeu grande parte da unha do terceiro dedo da mão direita na sequência de forte queda na curva 10 na manhã de sábado, continua a acreditar que pode tornar-se no 14º piloto da história a somar pontos em 100 Grandes Prémios na corrida de domingo.

Enquanto isso, a queda na última curva a 15 minutos do final da qualificação acabou por afectar as esperanças de James Toseland garantir pela terceira vez consecutiva um lugar entre os dez primeiros da grelha. O britânico perdeu a frente da moto na curva para esquerda e teve de rodar com a sua segunda YZR-M1 durante o resto da sessão, não conseguindo encontrar uma afinação com que se sentisse confortável, o que ditou o 15º posto da grelha.

Colin Edwards - 7º
“A moto estava ainda melhor que ontem, mas ainda estou totalmente contente e tenho de resolver alguns pontos antes da corrida. Cometi um erro de manhã e danifiquei muito um dedo da mão direita, mas nada que me cause grandes problemas. Mas não foi nada divertido ser cuspido da moto na curva 10 porque não é nada lenta. Bati com a cabeça, com as costas, por isso ficar apenas sem uma unha foi uma sorte. Mas o grande problema são as sensações com a frente da moto. Sinto muito movimento e assim que entro em curva não sinto estabilidade. Estou contente com o sétimo posto da grelha porque sinto que não podia puxar como queria ou necessitava. Mas se conseguir eliminar alguns problemas no warm-up acredito que posso fazer uma boa corrida. Sei que vai ser difícil terminar no pódio amanhã, mas vou dar tudo de mim para os fãs norte-americanos e para a Monster. Há muitas pessoas aqui a apoiarem-me neste grande fim-de-semana para a América e estou apostado em dar-lhes um bom resultado.”

James Toseland - 15º
“Foi uma sessão dura e é claro que temos muito trabalho a fazer. Depois de uma corrida tão boa em Assen, onde fizemos grandes progressos com a afinação da moto, agora não consigo encontrar o mesmo nível de confiança do fim-de-semana passado. Não estava a puxar muito na última curva quando perdi a frente e caí. Estava a rodar com uma afinação diferente na frente e nunca me senti confortável com ela. A queda obrigou-me a trocar para a segunda moto e tentámos novo acerto na frente e não funcionou mesmo. Não estou nada perto do que esperava e isso é uma desilusão. Mas, como sempre, vou trabalhar arduamente com todos os tipos da minha equipa na Monster Yamaha Tech 3 para encontrar alguns melhoramentos para a corrida.”

Tags:
MotoGP, 2009, RED BULL U.S. GRAND PRIX, Colin Edwards, Monster Yamaha Tech 3

Outras actualizações que o podem interessar ›