Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Suzuki espera reencontrar a forma na nona jornada

Suzuki espera reencontrar a forma na nona jornada

Loris Capirossi e Chris Vermeulen esperam recuperar das desilusões do fim-de-semana de Laguna Seca.

A Rizla Suzuki foi para a última ronda no Estados Unidos muito motivada depois de bem sucedida introdução de novo motor na GSV-R e de uma série de resultados nos cinco primeiros nas corridas anteriores, mas as coisas não correram como planeado para Loris Capirossi e Chris Vermeulen na Califórnia.

Capirossi caiu e desistiu em Laguna Seca – a segunda vez que não termina uma prova este ano – ficando frustrado e em 10º no Campeonato do Mundo. Ele tem agora a oportunidade de corrigir as coisas em Sachsenring, onde foi 7º no ano passado apesar de séria lesão no braço.

O italiano – que em 2007 conseguiu o melhor resultado de oito corridas em Sachsenring com o segundo posto – disse o que pensa antes do Alice Motorrad Grande Prémio da Alemanha, dizendo: “As últimas corridas foram complicadas para nós, o que tem sido difícil porque nos obrigou a trabalhar arduamente para termos tudo como deve ser. A equipa tem claramente dado o máximo que pode, mas ainda não encontrámos as soluções que estamos à procura.”

Ele continuou: “Mesmo assim, conseguimos aprender muitas coisas sobre a forma como a Suzuki GSV-R se comporta em diferentes situações com diferentes tipos de pneus Bridgestone, o que nos será muito útil na Alemanha. Sachsenring não é uma pista que necessite de muita potência e velocidade, mas requer um equilíbrio bom porque estamos muito tempo na lateral do pneu. É uma pista onde gosto muito de correr e acredito que nos podemos dar bem – só teremos de ver o que acontece neste fim-de-semana!”

O companheiro de equipa Vermeulen pelo menos terminou a corrida de Laguna, mas o oitavo posto do australiano ficou bem abaixo das expectativas numa pista onde esteve no pódio nas duas últimas visitas. Aparentemente, os pneus não estiveram à altura.

Antevendo a visita a Sachsenring, onde fez grande corrida na chuva no ano passado para subir ao pódio apesar de vir de 14º da grelha, Vermeulen comentou: “No ano passado fui terceiro em Sachsenring e apesar de ter sido no molhado, estou certo que podemos tentar repetir o resultado este ano independente do tipo de tempo que tenhamos. A moto ainda está a funcionar muito bem e parece melhorar em todas as vezes que rodamos com ele. A equipa tem boa base e se funcionar desde o início em Sachsenring – e podemos ter pneus para irem ao encontro da moto – então não vejo motivos para não estarmos competitivos desde o primeiro dia.”

Tags:
MotoGP, 2009, ALICE MOTORRAD GRAND PRIX DEUTSCHLAND, Chris Vermeulen, Loris Capirossi, Rizla Suzuki MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›