Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Bautista comenta a escolha da Suzuki

Bautista comenta a escolha da Suzuki

A estrela espanhol das 250cc Álvaro Bautista falou com o motogp.com sobre a sua mudança para o MotoGP com a Suzuki em 2010.

O anunciou da Suzuki Motor Corporation no final da noite de domingo, na conclusão do fim-de-semana de Brno, de que assinaram com Álvaro Bautista para 2010 colocou ponto final num período de especulação sobre o futuro do jovem espanhol.

Dado o seu elevado perfil e reconhecido talento, Baustista tinha muitas opções para passar para a categoria rainha, com muitos a esperarem que ele continuasse com a Aspar no novo projecto de MotoGP da equipa com a Ducati, mas o antigo Campeão do Mundo de 125cc optou para ir para a categoria rainha com a Rizla Suzuki.

O jovem de 24 anos disse ao motogp.com: “Houve muitos rumores sobre o meu futuro durante muito tempo e no final existiam duas opções, a Aspar e a Suzuki. É claro que queria que alguns detalhes do projecto de MotoGP da Aspar estivessem terminados antes de tomar uma decisão porque estou muito contente com a equipa nas 250cc. Por isso, entre Donington (quando a Aspar confirmou o acordo com a Ducati) e Brno tive a oportunidade de avaliar todos os prós e contras. Foi uma decisão mesmo difícil, mas ir para a Suzuki significa que estarei com uma equipa de fábrica e do ponto de vista desportivo é isso que quero, por isso foi essa a minha escolha.”

“Em termos de expectativas para o próximo ano, ainda não tenho a certeza porque ainda me estou a concentrar totalmente nas 250cc. Sei que será tudo novo e vou trabalhar com pessoas que não conheço, sendo que a maioria deles são ingleses. Venho de uma equipa dominada por espanhóis e italianos, pelo que será uma grande mudança e depois, é claro, a moto será totalmente diferente. Vamos ter de trabalhar arduamente na pré época para termos uma boa adaptação. Se o (Loris) Capirossi for o meu companheiro de equipa creio que será um grande bónus para mim, porque é italiano, tem uma personalidade similar à minha, é uma pessoa muito simpática, como muita experiência e alguém com quem posso aprender muito.”

Questionado sobre o que os seus patrões pensa da decisão de ir para a Suzuki, Bautista responder: “Bem, penso que compreendem, mas não concordam. O Jorge (Martínez) queria que eu fosse o piloto dele no MotoGP e depois de quatro anos juntos nas 125cc e 250cc é uma pena não ir para o MotoGP com eles, mas fiz a minha escolha e acredito que foi a correcta. O Jorge é uma grande pessoa e toda a equipa está muito concentrada, eles respeitam a minha decisão.”

“Como o Jorge me disse ‘isso é o que vai acontecer no próximo ano, mas ainda temos muito trabalho este ano!’,” acrescentou Bautista.

Enquanto isso, dando a perspectiva da Suzuki sobre a assinatura de contrato com Bautista, o patrão da equipa Paul Denning afirmou: “Estamos muito contentes por termos assinado com o Álvaro Bautista para a próxima época e estamos excitados com os plano. Ele ainda está sob contrato com o Martínez e com a Aspar, pelo que nesta altura não queremos dizer muito mais porque ele tem de continuar concentrado para se poder sagrar Campeão do Mundo de 250cc.”

Tags:
MotoGP, 2009, CARDION AB GRAND PRIX ČESKÉ REPUBLIKY, Alvaro Bautista, Rizla Suzuki MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›