Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Pedrosa pede desculpas à equipa por queda em Indy

Pedrosa pede desculpas à equipa por queda em Indy

Depois de ter dominado o fim-de-semana de Indianápolis até à corrida de domingo, o décimo lugar final foi frustrante para Dani Pedrosa e para a sua equipa na 12ª jornada.

Dani Pedrosa, da Repsol Honda, mostrou em grande forma no Red Bull Grande Prémio de Indianápolis ao dominar a pista no seco e no molhado na sexta-feira e no sábado, mas no domingo sofreu desapontante queda na quarta volta quando liderava a corrida.

Na ausência de Casey Stoner e com Valentino Rossi a acabar depois por ter a primeira desistência desde 2007, foi claramente um oportunidade perdida para o espanhol.

Ainda assim, Pedrosa tentou manter a calma e ser optimista quando recordou a corrida, pedindo desculpa à equipa depois de ter escalado desde a última posição até ao 10º lugar após a queda.

“Este resultado foi mesmo uma pena, mas por vezes acontece,” disse. “Fizemos um grande trabalho durante os treinos e qualificação, estava confiante para a corrida e, é claro, esperava ganhar hoje. Estava a puxar muito no início da corrida e talvez tenha exagerado. Havia algumas nuvens hoje e talvez o pneu da frente estivesse um pouco mais frio que antes, mas seja qual for a razão, cometi um erro e perdi a frente. Tenho pena pela equipa porque eles trabalharam muito para mim e também pelos fãs que me deram grande apoio.”

Continuando a sua explicação, Pedrosa disse: “Queria vencer na América outra vez, mas não consegui. Danifiquei um pouco a moto – o guiador estava dobrado para dentro e o poisa-pé estava muito danificado, mas acabei por conseguir recuperar e rodar rápido para somar alguns pontos. Olhando para o lado positivo, estivemos muito rápidos aqui e isso significa que podemos ir muito confiantes para Misano no próximo fim-de-semana.”

Tags:
MotoGP, 2009, RED BULL INDIANAPOLIS GRAND PRIX, Dani Pedrosa, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›