Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Segue-se Misano no regresso do MotoGP à Europa

Segue-se Misano no regresso do MotoGP à Europa

A 13ª jornada do Campeonato do Mundo de MotoGP de 2009 tem lugar este fim-de-semana com pilotos e equipas a visitarem o circuito de Misano para o Grande Prémio Cinzano de São Marino e da Riviera di Rimini.

Apesar do Campeão do Mundo Valentino Rossi ter uma relação especial com Mugello, este é o seu verdadeiro evento em casa já que o circuito de Misano fica apenas a 14 km da sua terra natal, Tavullia. O mestre italiano vai voltar a contar com forte apoio enquanto tenta repetir a vitória de 2008 na prova e colocar de novo no bom caminho a luta pela revalidação do título depois da desilusão de Indianápolis.

A desistência de Rossi em Indy foi a primeira desde que não terminou a corrida de MotoGP em Valência no final de 2007, mas ele não deverá continuar a pensar muito sobre a queda de domingo, já que quer aumentar os 25 pontos de margem que detém sobre o talentos companheiro de equipa Jorge Lorenzo quando faltam disputar cinco jornadas.

Para Lorenzo o sonho do campeonato ganhou novo fôlego com o resultado de Indianápolis, com o espanhol a recuperar de forma espectacular de duas desistências consecutivas nas duas rondas anteriores para garantir fantástica vitória e reduzir para metade a diferença para a topo da classificação. O maiorquino venceu a corrida de 250cc em Misano há dois anos vindo da pole e no ano passado foi segundo na tirada da categoria rainha.

Na continuada ausência de Casey Stoner, da Ducati, que regressará às pistas na jornada após Misano, no Estoril, a Fiat Yamaha deverá voltar a ter em Dani Pedrosa, da Repsol Honda, a principal ameaça, com o espanhol em quarto, a 71 pontos de Rossi e 46 de Lorenzo. Pedrosa esteve em grande forma no fim-de-semana de Indianápolis até cair quando liderava a prova para terminar depois em 10º, mas não conta com resultados brilhantes em Misano.

A luta pela quinta posição também promete muitas emoções, com Colin Edwards, da Monster Yamaha Tech3, e Andrea Doviziso, da Repsol Honda, a estarem separados por apenas três pontos, com vantagem para o americano. Misano não é a pista favorita de Edwards e este sabe que Dovizioso está desesperado por um bom resultado em solo italiano, pelo que vai tentar tudo para estragar a festa caseira ao rival.

Quem vai para esta prova muito motivado é Alex de Angelis, da San Carlo Honda Gresini, que vai rodar em casa cheio de orgulho depois do muito merecido primeiro pódio de MotoGP em Indy. Um resultado que não podia ter surgido em melhor altura para o piloto de São Marino que ainda está em busca de lugar para 2010.

Os fãs da casa também deverão apoiar nomes como Loris Capirossi, da Rizla Suzuki, e Marco Melandri, da Hayate Racing, que ocupam as oitava e décima posições da geral, respectivamente, isto enquanto o nono posto está a cardo de Randy de Puniet, da LCR Honda, que vai correr contra as dores no tornozelo para tentar somar bom conjunto de pontos, não fosse esta a prova caseira do seu patrão Lucio Cecchinello.

Os pilotos da Ducati também vão tentar manter os Ducatisti contentes em casa, com Nicky Hayden a mostrar-se em melhor forma após a conquista do primeiro pódio com a marca italiana no seu GP caseiro em Indy. Com Mika Kallio a continuar a ocupar o lugar de Stoner ao lado do americano na formação oficial, o impressionante Aleix Espargaró tem mais uma oportunidade de brilhar na Ducati satélite do finlandês na equipa Pramac Racing.

Os treinos livres de MotoGP para o Grande Prémio Cinzano de São Marino e da Riviera di Rimini começam às 13h55 locais de sexta-feira 4 de Setembro.

Tags:
MotoGP, 2009, GP CINZANO DI SAN MARINO E DELLA RIVIERA DI RIMINI

Outras actualizações que o podem interessar ›