Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Poncharal fala dos planos de testes da Tech3 Moto2

Poncharal fala dos planos de testes da Tech3 Moto2

O patrão da equipa fala dos objectivos para o próximo teste de Valência, enquanto o chassis da Tech3 Moto2 continua o desenvolvimento antes do início da época.

O programa de Moto2 da Tech3 continua a todo o gás antes do teste de Valência da próxima semana e o patrão da formação, Hervé Poncharal, está desejoso por ver os resultados de muitos meses de árduo trabalho.

Tanto Raffaele de Rosa, como Yuki Takahashi estarão presentes no Circuito Ricardo Tormo para testarem duas motos. Com três dias já agendados de 26 a 28 de Janeiro, a Tech3 planeia usar os dois primeiros, com o terceiro a ser apenas usado em caso de necessidade.

“Temos algumas coisas para testar; temos um braço oscilante diferente, bem como afinação de suspensão e queremos trabalhar também um pouco na geometria,” explicou Poncharal. “Penso que precisamos de boas condições climatéricas, o que não temos há muito. Precisamos da oportunidade de fazer algumas voltas com boas condições de pista, o que nos vai permitir estar em posição de usarmos as opiniões dos pilotos como deve ser.”

O teste de Valência no início de Janeiro foi afectado por mau tempo, mas a equipa ainda conseguiu levar a cabo importante trabalho.

Poncharal continuou: “Estivemos em Valência de 7 a 9 de Janeiro e infelizmente os dois primeiros dias estiveram impossíveis devido ao tempo. O último dia esteve muito frio, também, mas conseguimos fazer umas 100 voltas com cada piloto e o chassis, com algumas modificações, não apresentou mais vibrações.”

“Foi interessante ouvir o Yuki porque ele conhece as motos de 4 tempos muito bem e deu-nos muita informação boa e ter dois pilotos a ajuda muito com a compreensão da moto.”

Com mais testes a serem levados a cabo antes dos ensaios oficiais de Março, Poncharal está contente por ver o seu projecto de Moto2 ganhar vida.

“Estou contente porque agora temos a equipa completa para o projecto, estão todos a trabalhar aqui, é uma fábrica como deve ser. Temos duas motos prontas, dois chassis extra e muitas carenagens, pelo que a equipa de Moto2 é totalmente independente da organização de MotoGP,” disse.

“Temos algo muito importante – dois pilotos que são muito competitivos, muito concentrados e muito envolvidos no projecto. Temos estado todos muito ocupados e não temos tido tempo livre desde o Grande Prémio de Valência, mas estão todos contentes por termos isto pronto porque estamos a começar uma nova aventura. Penso que vai ser uma classe muito excitante, estou certo!”

Concluindo, Poncharal acrescentou: “Mas para vos dizer o quão bem estamos preparados temos de esperar pelos três testes de Março, altura em que todas as equipas vão ter os motor oficiais e estarão na mesma pista. Depois estaremos em muito melhor condição para avaliarmos o potencial de todos.”

Tags:
Moto2, 2010

Outras actualizações que o podem interessar ›